Tudo sobre Marketing e Empreendedorismo

John Mueller, do Google sobre indexação: “A pesquisa nunca é garantida”

John Mueller, do Google, em fala oficial, lembra ao proprietário do site que não é garantido ser indexado nos resultados de pesquisa. Além disso, entenda detalhes sobre os fatores que levam sua página à indexação para melhorar estes fatores.

Google sobre indexação de páginas e resultados de pesquisa

O representante da pesquisa do Google, John Mueller, disse que “a pesquisa nunca é garantida”, em resposta a um proprietário de site perguntando por que seu conteúdo não é indexado.

No fórum r/TechSEO no Reddit, um usuário está insatisfeito porque um site que republica conteúdo idêntico está sendo indexado mais rapidamente. Do mesmo modo, o usuário do Reddit publica um tópico perguntando se eles podem usar a API de indexação para forçar o acesso ao índice do Google.

Mueller derruba essa ideia, e fala ainda que a API de indexação é reservada para tipos específicos de conteúdo, como transmissões ao vivo e anúncios de emprego. Em seguida, ele segue com a declaração de que a pesquisa não é garantida e oferece uma visão sobre o que o Google prioriza em relação à indexação.

Tela de smartphone em foco no aplicativo do Google em texto sobre indexação
John Mueller, do Google, fala sobre indexação de páginas e resultados de pesquisa. Imagem de Brett Jordan em Unsplash

Mueller sobre o que faz o conteúdo valer a pena ser indexado

Mueller afirmou anteriormente que os sites precisam valer a pena para receberem a indexação devida, e ele compartilha esse feeling novamente no Reddit. Além disso, Mueller analisa vários critérios que o algoritmo do Google procura ao considerar se vale a pena indexar o conteúdo:

“A pesquisa nunca é garantida, e existem muitos sites que estão tentando enviar suas atualizações para o Google.

Acho que o que funciona melhor é provar ao Google (e aos usuários) que as atualizações que você está fornecendo são valiosas: únicas, atraentes, de alta qualidade e não algo que já foi publicado em outro lugar.”

Para contextualizar, o usuário do Reddit que enviou a pergunta administra um site que publica obituários.

Depois, na próxima parte de sua resposta, Mueller reconhece que pode ser um desafio garantir que o conteúdo enviado por outras pessoas atenda aos critérios do Google.

Esse ponto não pode ser exagerado em relação aos obituários quando a Pesquisa do Google é a última coisa em que as pessoas pensam. No entanto, todo o site está sob o controle do usuário do Reddit e eles não estão limitados à publicação de conteúdo contribuído.

Mueller diz ao proprietário do site para pensar em maneiras de tornar seu site mais valioso, que possam aumentar a probabilidade de o Google realizar a indexação das suas páginas rapidamente:

“Percebo que é difícil quando se trata de conteúdo gerado pelo usuário (o que presumo que será), mas, em última análise, seu site é o que você publica, independentemente de onde ele vem inicialmente. Portanto, quanto mais você puder fazer para garantir que o conteúdo indexável em seu site seja facilmente localizável e significativamente valioso para a web, mais provável é que o Google consiga pegá-lo rapidamente (e isso pode significar que você bloqueia o conteúdo que você determina menos valioso de ser indexado, por exemplo).”

Quando o Google indexa o conteúdo republicado mais rapidamente do que a versão original, ele percebe o site da fonte como menos valioso do que o site que copia seu conteúdo.

Não há solução fácil para esse problema, como usar a API de indexação do Google. O usuário do Reddit terá que fazer alterações em seu site para provar que vale a pena ser rastreado e indexado mais rapidamente.

Dito isso, Mueller sugere uma pequena mudança que todos os sites podem fazer para sinalizar ao Google que há novo conteúdo disponível. Em suma, vincular ao novo conteúdo do site a partir da página inicial pode colocá-lo no radar do Google mais rapidamente, diz Mueller:

“Uma das coisas que sites ainda menores e mais novos podem fazer é mencionar e criar links para atualizações em suas páginas iniciais. O Google geralmente atualiza as páginas iniciais com mais frequência, portanto, se houver algo importante e novo, certifique-se de tê-lo lá.

Muitos sites fazem isso intuitivamente, com uma barra lateral ou uma seção para atualizações, mencionando os novos títulos e links para o conteúdo.” Embora isso ajude a fazer com que o conteúdo seja notado mais rapidamente, ainda não há garantia de que o Google o indexará mais rapidamente.

Como trabalhar melhor o seu material?

Invista na otimização completa do seu site e confira detalhes que a página que recebeu indexação antes da sua tenha deficiência. Com isso, você consegue mostrar ao Google qual é realmente o conteúdo que merece atenção e relevância sobre o tema.

Fonte: SearchEngineJournal.com

Seja o primeiro a ser notificado, sempre que um novo artigo ser publicado

Deixe uma resposta

Usamos cookies para melhorar sua experiência neste site. Ao continuar no site, você concorda com essas condições. Sim Mais detalhes