Tudo sobre Marketing e Empreendedorismo

Chatbots, aprenda a usar esses softwares de conversas automatizadas

Os Chatbots são aliados das empresas na interação com os seus clientes. Afinal, o objetivo é que eles respondam perguntas 24h por dia. Mas, as pessoas têm a sensação de conversar com um ser humano. Logo, se otimiza o tempo de atendimento em seu negócio.

Você sabe o que são Chatbots?

São softwares com inteligência artificial (IA) que mantêm uma conversa em tempo real por texto ou voz. Além disso, ele pode otimizar atendimentos ao cliente, campanhas de marketing e venda de produtos. Dessa forma, são conhecidos como:

  • Convencionais;
  • Business chat;
  • Take Blip – contato inteligente.

Toda vez que alguém envia uma pergunta, ela é respondida pelos bots, que consultam uma base de dados de conhecimento. Assim, o robô fornece uma resposta que parece impessoal e tem-se a sensação de estar conversando com um ser humano.

Eles oferecem aos clientes uma forma de interação mais acessível e bem simples. Aliás, são bem rápidos e precisos com o retorno. Ou seja, diminui a frustração do usuário de ter que aguardar um bom tempo para obter uma solução.

Como funciona um Chatbot?

Os chatbots precisam de cinco canais para funcionar, isto é, software, base de conhecimento, IA, canais e integrações. Assim, ele recebe uma pergunta, consulta o banco e envia ao cliente a resposta mais apropriada. Além disso, pode induzir ações do usuário.

mulher usando o tablet
Legenda: Os chatbots automatizam o atendimento online de seu negócio. Imagem de JESHOOTS.COM no Unsplash

Como criar formas de relacionamento com Chatbots?

A forma como as empresas se relacionam com os clientes muda a cada dia. Portanto, a ideia é atender de modo rápido, satisfatório e eficaz. Para isso, é necessário ter qualidade por um custo reduzido e criar conversas otimizadas.

Para conquistar os usuários com esse tipo de interação, você pode oferecer experiências únicas. Ou ainda, dispor de vantagens e bônus para quem optar por usar o chatbot como forma de contato.

Ofereça experiências personalizadas com Chatbots

Eles são ótimas ferramentas para realizar uma comunicação única. Afinal, usam a IA para criar respostas assertivas e humanas durante a interação. Assim, com eles é possível:

  • Definir um tom de voz amigável;
  • Indicar expressões;
  • Manter diálogos;
  • Apostar em uma comunicação visual.

Um ponto importante sobre eles é que oferecem uma série de benefícios às empresas, como agilidade, rapidez e precisão. Ainda, há a chance de usar um contact center, tudo de forma rápida e sem perder dados.

Inbound marketing com Chatbot

O Inbound é conhecido como a porta de entrada onde os clientes são atraídos para o seu negócio e de maneira independente. Assim, seu maior objetivo é fazer com que o consumidor passe por um funil de vendas, sem perceber e compre seu produto.

Como otimizar o processo de atendimento com Chatbots?

Com o auxílio da inteligência artificial, os chatbots trazem a chance de converter toda interação em aprendizado. Mas, é preciso que seu banco de dados esteja otimizado e que você possua informações relevantes sobre seu negócio.

Uma forma de garantir um processo eficaz é desenhar a jornada do cliente. Ou seja, elencar suas principais dúvidas e preparar respostas completas. Dessa forma, diminui o tempo de atendimento e conquista os usuários. 

Use o atendimento humano para complementar o Chatbot

Além do chatbot é essencial que tenha pessoas para atender seus clientes. Afinal, isso gera conexão com o público e reforça o lado humano. Aliás, eles podem ter como foco apenas demandas mais delicadas e que exigem mais conhecimento sobre a marca.

Marketing de Conteúdo é usado no Chatbots?

O Marketing de Conteúdo se tornou essencial para as empresas que desejam se destacar no meio online. Dessa forma, os materiais que se produz servem como base do banco de dados dos chatbots.

Em geral, essas produções são de interesse dos leads. Inclusive, se baseiam nas maiores dúvidas sobre seu produto ou serviço. Então, você pode usá-lo de apoio para criar suas respostas.

Outro modelo de uso é a indicação pelo chatbot. Por exemplo, um cliente perguntou algo que tem a ver com um conteúdo criado. Logo, além de programar um retorno, também pode enviar o link do material como um extra. 

Conteúdo de topo de funil nos Chatbots

O topo do funil é o processo de aprendizado em que o cliente descobre a empresa e deseja o que ela produz. Assim, os bots podem ser usados no site da loja tanto na interação quanto na captura dos leads.

Como exemplo desse uso tem-se um chatbot que responde às dúvidas iniciais do usuário. Com isso, aumenta a confiança no negócio e faz com que ele interaja por mais tempo com a marca.

Uma estratégia para cada fase do funil com Chatbots

Vale lembrar que em cada fase do funil os leads possuem suas diferenças. Por exemplo, no topo, ele teve pouco contato com seu negócio. Já os do fundo, possuem mais informações e estão propensos a comprar. Portanto, deve-se pensar em cada um deles.

O chatbot para o cliente de topo de funil pode ser para a resolução de dúvidas, a fim de otimizar o atendimento. Mas, no caso da última fase, ofereça vantagens e bônus para que ele conclua uma compra.

Chatbots como ferramenta para compartilhar dados da equipe

Os Chatbots podem aprimorar a produção das equipes. Dessa forma, ele ajuda um líder a designar tarefas e prazos para todos os times, informações úteis para facilitar a rotina dos funcionários e marcar reuniões dentro de uma conversa via chat.

Pode-se gerenciar o tempo das atividades, com o apoio de um plug-in, bem como, também consegue abrir inscrições para treinos internos com convites digitais por meio desses bots.

Melhore a gestão da comunicação com Chatbots

Há algumas tarefas de comunicação que podem ser assumidas pelos bots, por exemplo, junção e atualização de cadastros, ligações entre setores e perguntas frequentes. Com isso, otimiza a gestão e nivela as informações.

mulher usando o celular
Legenda: Você pode usar o chatbot para melhor a comunicação com a sua equipe. Imagem de Priscilla Du Preez no Unsplash

Como usar Chatbots em aplicativos de mensagem?

Um dos diferenciais desse serviço é que a simulação de conversas se adequa aos aplicativos de mensagens. Ou seja, é possível configurá-lo nesses meios para que façam a gestão das interações e ainda atendam os clientes.

Telegram

No Telegram, o chatbot poderá responder às dúvidas dos usuários ao criar um fluxo de conversa. Dessa forma, uma pessoa que busca informações no site e entra em contato pelo app, terá um atendimento rápido.

Messenger

O uso do bot no Messenger melhora o serviço de suporte ao cliente, bem como, simula uma conversa natural, além de interação prática, fluida, rápida, agradável e bastante criativa.

Skype

Apesar do Skype não ser mais um dos principais meios de comunicação, o chatbot também pode ser usado com ele. Assim, basta programar as interações para que a IA atenda o cliente de forma rápida e precisa.

Automatize suas vendas com Chatbots

Os chatbots são a chave para a automação de várias etapas essenciais no suporte e nas vendas online das empresas. Assim, por meio deles é possível fazer atividades como:

  • Oferecer descontos e benefícios;
  • Realizar triagens;
  • Conduzir as demandas;
  • Orientar o cliente no processo de compra.

Durante a venda, em especial a online, pode ser que o cliente tenha dúvidas. Então, usar essa tecnologia permite que ele não repense em sua atitude e faça uma aquisição mais rápida.

Quais os principais canais de integração de Chatbots?

Um dos principais canais é o chamado Omnichannel, que tem aumentado graças à inovação tecnológica. Com isso, ao usar essa plataforma, a empresa é capaz de conversar com seu cliente por diversos meio, como:

Imagine que o cliente enviou uma mensagem na live de uma promoção nas redes sociais. Em seguida, ele continua essa conversa no WhatsApp. Por fim, pode finalizar a compra pelo telefone mesmo, de forma rápida e natural.

Facebook

O Facebook possui uma experiência própria de chatbot. Assim, ao possuir uma página comercial, você pode programar mensagens e definir um roteiro de atendimento para seus clientes.

Slack

Outra plataforma que oferece esse tipo de recurso é o Slack. Aliás, ele é integrado ao Trello, uma das ferramentas mais usadas em gestão de tarefas. Então, você pode otimizar as conversas com sua equipe.

Dicas para criar um Chatbot de sucesso

Para criar um Chatbot de sucesso é necessário ter estratégia. Portanto, se sua empresa está em busca de otimizar o atendimento e seus processos, confira estas etapas que irão te ajudar:

  • Levante os requisitos de mercado;
  • Mostre o produto e crie um Chatbot;
  • Realize testes para ver sua eficiência;
  • Monitore e use o suporte DevOps;
  • Divulgue para os usuários.

Ao fazer todas estas etapas, é preciso pensar nas melhorias e identificar as possíveis evoluções, bem como, ter estrutura para alcançar o sucesso do projeto tão esperado por todos.

Pense na jornada de compra e personas na estratégia do Chatbots

Ao construir um plano eficaz você deve saber quem é sua persona, bem como, entender a jornada de compra. Com isso, consegue definir as principais dúvidas e otimizar o chatbot para um atendimento de qualidade.

Oportunidades de marketing com Chatbots

Saiba que os chatbots tem como objetivo iniciar diálogos com o público. Além disso, permite fazer a prospecção de novos clientes, qualificação dos leads, engajamento e fidelização. Ou seja, atendem as necessidades do marketing.

mão segurando um celular
Legenda: Aproveite as oportunidades de marketing oferecidas com o chatbot para vender mais. Imagem de Christian Wiediger no Unsplash

1 – Crie um fluxo de mensagens do Chatbots

O criador do fluxo é a ferramenta ideal para configurar seu bot e receber novos assinantes. Além disso, pode-se auxiliar os usuários, vender produtos e coletar todas as informações possíveis. Com isso, você deve:

  • Escolher um gatilho para ele;
  • Criar uma resposta padrão;
  • Permitir o cancelamento de inscrições;
  • Definir o fluxo de gatilho.

Tudo que você vai precisar é criar palavras-chave, projetar a estrutura, arrastar e soltar elementos na sua construção. Além disso, colete todas as mensagens que forem exibidas por meio dele para entender o seu cliente.

2 – Como usar o tom de voz adequado nos Chatbots?

A voz deve permanecer consistente e alinhada com os valores da empresa. Dessa forma, os Chatbots são como mensageiros de sua marca e precisam se adequar ao tom dela.

Esse detalhe faz com que as conversas pareçam naturais e que o usuário se sinta mais acolhido. Com isso, ela pode ser mais alegre ou séria, com emoji ou não, mas que se adeque com o seu negócio e sua audiência.

Use a personalidade da marca no Chatbots

Você deve imaginar o chatbot como uma extensão das pessoas que atuam na empresa. Assim, evite mensagens que pareçam robóticas e foque em uma comunicação mais humanizada e direta.                                               

3 – Principais plataformas para criar Chatbots

Com a crescente busca por esse serviço, várias empresas oferecem a criação dos bots. Então, é possível um maior controle e gestão do atendimento. Algumas das principais são:

  • Botsify;
  • ManyChat;
  • Zendesk;
  • Aivo.

Em geral, elas permitem que a marca personalize o chatbot. Com isso, você tem mais controle das informações, além do que isso facilita o uso posterior dessa ferramenta no dia a dia. 

4 – Faça a divulgação dos Chatbots

Não adianta possuir esse serviço se ele não for bem divulgado. Afinal, seus clientes precisam entender como ele funciona e qual é o objetivo. Portanto, invista em:

  • Campanhas;
  • E-mail marketing;
  • Conteúdos para site e redes sociais;
  • Anúncios pagos.

Ao investir em plataformas e divulgar os bots, você aumenta o uso pelos clientes. Logo, diminui a necessidade do atendimento humano e agiliza os processos de toda sua equipe.

Como aplicar a estratégia dos Chatbots no seu negócio?

Os chatbots podem alavancar os negócios e otimizar os setores de marketing e vendas quando bem usado. Então, veja algumas dicas que vão potencializar sua atuação e trazer bons resultados:

  • Priorize os casos de maior uso dos seus clientes;
  • Crie protótipos de uma ideia de bot;
  • Use o tom de voz da empresa;
  • Priorize um atendimento mais humano;
  • Tenha um bom banco de dados para o bot.

Você deve possuir boas informações sobre seu público-alvo e a jornada de compra ao apostar no chatbot. Afinal, são esses dados que vão ajudá-lo a definir as melhores ações, gerar conversão e vendas.

Seja o primeiro a ser notificado, sempre que um novo artigo ser publicado

Deixe uma resposta

Usamos cookies para melhorar sua experiência neste site. Ao continuar no site, você concorda com essas condições. Sim Mais detalhes