Tudo sobre Marketing e Empreendedorismo

Como criar um site completo para a sua empresa

Uma empresa que deseja se destacar no mundo digital precisa criar um site de qualidade. Afinal, trata-se do maior canal de marketing que um negócio pode ter hoje em dia. Portanto, confira agora o passo a passo para fazer o seu zero e obter sucesso em suas ações.

Guia Rápido

O que é um site?

Um site é um grupo de páginas que são chamadas de hipertextos e você o acessa por meio de um domínio. Dessa forma, trata-se de uma série de elementos que juntos formam um canal de comunicação e interação.

Os sites são compostos, em suma, por imagens, vídeos, gifs e outros elementos audiovisuais. Então, no mundo dos negócios é um local para expor a sua marca e criar uma boa relação com os seus clientes.

Qual a função de um site

Para criar um site é preciso ter em mente que a sua função pode ser desde aumentar o alcance da marca até somente vender um produto. Além disso, muitas empresas usam os websites para fazer uma conexão com seus clientes por meio de interações diretas.

Como um site funciona?

Os sites são acessados pela URL que é o endereço que faz com que ele exista na internet e seja encontrado pelas pessoas. Nesse sentido, tudo o que está nas páginas é o conteúdo que você deve criar e procurar um servidor para hospedá-lo. 

Existem várias empresas que fazem essa hospedagem e armazenam os dados dos sites dos seus clientes. Com isso, tem-se uma série de arquivos que juntos formam os elementos que permitem o usuário navegar nas páginas.

Quais os componentes de como criar um site 

Todo site é composto por um domínio ou uma URL, um servidor que hospeda e armazena o conteúdo e uma CMS. Dessa forma, os outros itens que compõem um site são mais relacionados aos conteúdos, plugins e demais integrações.

Arquivos e CMS

O Sistema de Gestão de Conteúdos (CMS) é uma plataforma que permite você gerenciar, modificar e publicar seus arquivos no site. Nesse sentido, o WordPress é o mais usado no mundo e conta com uma série de integrações e funções para as páginas.

É possível otimizar o seu site com estratégias de SEO e templates que organizam texto e imagem. Dessa forma, esses sistemas são de extrema importância para você conduzir a sua produção de conteúdo da melhor forma. 

Por que uma empresa precisa saber como criar um site?

Todas as empresas que desejam expandir o seu negócio no Marketing Digital precisam saber como criar um site. Afinal, trata-se do canal de comunicação e interação mais efetivo da internet para quem quer crescer e gerar visibilidade. 

Como criar um site sozinho

Existem ferramentas que auxiliam as empresas que não tem um grande orçamento a criar o seu site sozinhas. Contudo, o ideal é que você busque um profissional qualificado para desenvolver um bom canal de comunicação com estratégias bem pensadas. 

Programador de sites

O programador de sites é a pessoa que, em suma, faz esse serviço para as empresas e pode ser um contratado ou terceirizado. Dessa forma, entenda quais são os objetivos do seu projeto e procure uma maneira de criá-lo de acordo com a renda disponível.

Qual a diferença entre blog, site e perfil nas redes sociais?

Um site é como se fosse a porta de entrada para a empresa, ou seja, um local que o usuário entra para conhecer os seus produtos. Nesse sentido, é uma série de páginas que não sofrem tantas alterações, porque precisam criar uma identidade e manter um padrão.

Já os blogs são feitos para aqueles que buscam aprofundar o conhecimento em relação à empresa em questão. Dessa forma, trata-se de um espaço que está sempre a produzir novos conteúdos e a gerar interações com os usuários para atrair novos clientes.

As redes sociais de uma empresa são uma página em alguma mídia que tem um objetivo de expandir a sua marca e aproximar os clientes. Com isso, tem-se publicações mais enxutas e com uma capacidade de interação maior, como é o caso dos Instagram Stories.

vários ícones de redes sociais como Pinterest, Snapchat, YouTube e Facebook
Sua marca deve possuir contas nas redes sociais mais usadas pelo seu público-alvo. Imagem de natanaelginting no Freepik.

Como criar um site impacta no seu negócio

Uma empresa ao criar um site tem um local com todas as informações relevantes sobre ela e, sobretudo, sobre os seus produtos. Então, possuir esse espaço no mundo digital é importante para que você demonstre a necessidade da existência do seu negócio.

Esteja presente em diversas mídias

Outro fator importante do site é que ele é uma forma de você criar links para as suas outras mídias, como as redes sociais. Dessa forma, é essencial que a sua empresa esteja espalhada em vários setores de comunicação na internet, para atingir mais pessoas. 

Tipos de conteúdo

Quanto maior é a quantidade de mídias em que sua empresa atua, maior a variedade dos tipos de conteúdo que ela produz. Portanto, a capacidade criativa aumenta e a sua marca se torna mais relevante no mercado em que ela deseja impactar com as suas produções. 

Criar um site é importante no Marketing Digital?

O Marketing Digital tem como propósito expandir uma marca, gerar novas relações de negócio e aumentar as vendas por meio de estratégias online. Nesse sentido, um site é muito importante nessa área, porque ele:

  • Cria um espaço de interação com as personas;
  • Permite a produção de conteúdo otimizado;
  • É uma forma de fazer links com outras mídias e expandir a marca.

Dentro do marketing é preciso transformar o seu conteúdo em um meio de educar os leads e criar valor em cima do seu produto ou serviço. Com isso, criar um site é uma das formas de atingir o seu público e mostrar para ele que você é capaz de solucionar suas dores. 

Trata-se de um espaço que, integrado a outras ferramentas, também permite que você mensure dados e gere relatórios e ideias. Portanto, é indispensável na estratégia de uma campanha que busca tanto expandir o negócio quanto gerar vendas. 

Relacionamento com o cliente

As empresas precisam ter um bom relacionamento com o cliente e o site é uma maneira direta de gerar essa satisfação. Afinal, ele faz com que o usuário tenha interações por chat, conteúdos relevantes e um tratamento mais humano.

Conheça o processo de criar um site

Para conhecer o processo de criação de um site é preciso saber quais são os seus principais tipos. Dessa forma, entenda a seguir qual é o modelo que melhor se adequa aos objetivos da sua empresa.

1 – Institucional

Um site institucional tem como objetivo reunir uma série de informações sobre a sua empresa em um só lugar. Dessa forma, veja as principais características desse tipo de canal de comunicação:

  • Páginas otimizadas e com layout limpo;
  • Foco no uso em dispositivos móveis;
  • Conteúdos mais importantes e relevantes;
  • Serviços online.

Vale dizer que todos esses pontos têm como objetivo a interação essencial entre o usuário e a empresa. Portanto, faça o uso dos elementos com cuidado para não encher esse tipo de site de coisas que não possuem tanta relevância. 

Cartão de visita da empresa

Um cartão de visita da empresa é um projeto gráfico minimalista com informações essenciais para o cliente. Nesse sentido, o site institucional é a mesma coisa, só que no ambiente digital.

Canais de comunicação

É essencial que o seu site tenha links para os outros canais de comunicação da sua empresa. Como, por exemplo, as redes sociais, e-mails, telefone e endereço. Afinal, faz com que o cliente saiba onde encontrá-lo. 

2 – Como criar um site dinâmico?

Para criar um site dinâmico é preciso que você reúna todas as informações mais importantes da sua empresa. Após isso, faça com que o conteúdo esteja disposto de um modo que seja possível atualizar e modificá-lo quando preciso.

Trata-se de um conjunto de páginas com mais funções do que um site institucional, já que a ideia é fazer manutenções frequentes. Portanto, é um jeito de mudar as suas produções sem alterar os códigos fonte que compõem o espaço.

Programação avançada em sites dinâmicos

Caso você opte por um profissional em programação, os sites dinâmicos são um bom jeito de otimizar o conhecimento. Isso porque, ele permite uma gama maior de possibilidades para criar meios de interação mais complexos.

Experiência do usuário

Todas as páginas devem ser pensadas para gerar uma boa experiência para os seus usuários. Dessa forma, os sites dinâmicos fazem com que o cliente interaja com a empresa de um modo mais completo, embora ele possa sair mais caro do que um site comum.

imagem da página de adicionar novo post do wordpress
O WordPress é o CMS mais usado pelas empresas para criar um site. Imagem de pixelcreatures no Pixabay.

3 – E-commerce

O e-commerce é um comércio online de produtos que ocorre nos meios digitais da empresa. Nesse sentido, conheça algumas das principais características de um modelo de negócio por meio da internet:

  • Disposição de produtos por meio de sites;
  • Meios de pagamentos alternativos;
  • Várias opções de frete;
  • Fornecedores e parcerias.

Dentro do mundo das vendas online você tem a forte atuação do Marketing Digital que potencializa o processo. Com isso, os sites são um dos maiores aliados dessas equipes para gerar maior autoridade para as marcas e aumentar as suas vendas. 

Uma empresa que deseja se dar bem no e-commerce precisa de um site otimizado e profissional. Portanto, trata-se de um local no qual os seus clientes vão entender todo o propósito do seu negócio.

Portfólio da empresa 

Entenda os sites como um portfólio da sua empresa, no qual contém todas as informações sobre ela e os seus produtos ou serviços. Dessa forma, é possível fazer com que as pessoas se interessem e acessem seu espaço digital para conhecer ou comprar.

4 – Como criar um site One Page?

Para criar um site One Page é preciso que você tenha uma boa capacidade síntese, afinal, ele usa apenas uma página para todo o conteúdo. Então, é um meio de facilitar a experiência do usuário, porque:

  • O cliente não precisa abrir outras abas;
  • Todas as informações são vistas de forma rápida;
  • Ele tem acesso fácil aos serviços e produtos.

O foco do site One Page é a efetividade do processo de interação entre a empresa e o cliente. Portanto, tenha layouts limpos e intuitivos para não ir contra a própria proposta do tipo de página simples e direta.

Existem alguns negócios que, devido a quantidade alta de serviços e produtos, não conseguem criar um site desse tipo. Dessa forma, é preciso analisar se a sua empresa permite que tudo seja colocado em um local só.

Formato simples, porém dinâmico e prático

O formato simples desse tipo de site pode fazer com que ele tenha poucas funções e um padrão comum. Porém, ele é dinâmico, prático e vai fazer com que o cliente se sinta menos sufocado com uma quantidade desnecessária de informações e páginas sem sentido.

5 – Redes sociais

As redes sociais são uma das formas mais efetivas de criar um laço de proximidade com os seus clientes. Dessa forma, são os locais online nos quais concentram o seu público-alvo em grupos de interesse. Então, as principais são:

Existem vários tipos de redes como, por exemplo, aquelas cujo objetivo é o relacionamento e as que visam estreitar relações profissionais. Assim, é preciso que a sua empresa entenda qual o melhor modelo de acordo com o objetivo que ela propõe.

Produzir conteúdo nas redes faz com que, por meio de uma Call to Action (CTA), o usuário visite o site. Para isso, é preciso fazer posts relevantes com links para os seus outros meios de comunicação.

Atue nos canais relevantes à marca

Cada marca possui uma persona diferente, então, precisa de canais específicos que melhor atendam a sua empresa. Com isso, entenda em qual lugar se concentra o seu público e atue nas redes sociais de maior interesse deles. 

Vale dizer que não adianta ter uma série de canais de comunicação se você não pode garantir um bom funcionamento de todos. Portanto, tenha apenas o essencial e foque na qualidade dentro da sua estratégia.

3 pessoas, uma está com a blusa do Facebook, uma do Instagram e outra do WhatsApp. A pessoa do meio ainda segura uma folha com o ícone do instagram e do like
Analise com sua equipe quais as redes sociais relevantes para seu público e atue nelas. Imagem de Freepik no Freepik.

6 – Como criar um site no formato de Blog?

Para criar um site no formato de blog é preciso que a sua equipe de Marketing de Conteúdo tenha objetivos claros em mente. Afinal, esse tipo de espaço digital existe para cumprir as seguintes funções:

  • Postagem de conteúdo relevante;
  • Atualização das produções;
  • Expandir a marca e gerar valor no produto;
  • Aproximar o público com interações.

O seu blog vai precisar de um sistema de gerenciamento, como é o caso do WordPress que permite edições e formas de organizar o conteúdo. Além disso, é interessante que ele faça links com as suas redes sociais e outros meios de comunicação.

Tenha uma boa equipe de produção de conteúdo, afinal, você vai precisar de um calendário editorial. Por fim, conte com os plugins e outras integrações que automatizam os processos de postagem e manutenção do blog.

Estratégia de Marketing de Conteúdo 

A estratégia de Marketing de Conteúdo de uma empresa deve ser pautada pelos objetivos e metas dessas produções. Afinal, elas podem ser feitas tanto para expandir a marca quanto para focar apenas no aumento das vendas.

Em geral, o conteúdo produzido por uma empresa em seu site, blog ou outras mídias precisa ser, antes de tudo, relevante. Dessa forma, sua estratégia deve buscar gerar autoridade para a sua marca em relação aos temas tratados.

Estreitar relações com o público

O formato do blog é um jeito muito efetivo de estreitar as relações com o seu público. Portanto, tenha em mente que as pessoas precisam de um tratamento próximo e humano para se sentirem valorizadas.

7 – Landing page

As landing pages, também chamadas de páginas de destino, é um local que o usuário acessa ao interagir com uma CTA de um conteúdo. Dessa forma, ela é uma extensão do site que promove uma ação externa ao ambiente principal da empresa.

Dentro do Marketing de Conteúdo essas páginas são usadas para coletar dados dos clientes e aumentar o engajamento. Para isso, tem-se a promoção de materiais de qualidade, como é o caso dos e-books ou uma newsletter, por exemplo.

Vale dizer que o maior objetivo dessas páginas é a conversão do usuário para que ele tome a ação desejada. Portanto, uma landing page precisa de uma CTA para fazer essa interação e cumprir o seu propósito dentro de uma campanha.

CTA

A chamada Call to Action (CTA) é uma técnica para fazer com que o usuário interaja com o conteúdo e seja levado para uma landing page. Dessa forma, ela avança o cliente no funil de vendas e faz com que ele realize uma ação, como assinar uma newsletter, por exemplo.

Site que gera conversões 

É essencial que a CTA leve o usuário para um site que gera conversões, ou seja, que ofereça um produto ou serviço. Além disso, essa ação pode não ser apenas uma venda, mas também um acesso a outros tipos de conteúdo mais específicos.

É possível criar um site Hotsite?

Os Hotsites têm uma proposta parecida com as landing pages, ou seja, são páginas externas com conteúdos específicos cujo foco é a conversão. Nesse caso, a sua empresa deve criar um site desse tipo quando ela possui um evento específico, como:

  • Lançamento de um e-book;
  • Informações sobre um produto específico limitado;
  • Novos planos de assinatura ou serviços.

Eles estão relacionados com o chamado marketing pontual, ou seja, é feito para ações específicas e com um tempo de vida curto. Portanto, precisam ser bem criativos e ter um apelo mais imediato. 

Períodos sazonais

Os Hotsites funcionam em períodos sazonais, ou seja, são de cunho temporário e apresentam estrutura similar a um site comum. Contudo, eles têm como foco a conversão de um momento específico que a empresa precisa gerar de modo rápido.

Passo a passo de como criar um site 

Veja o passo a passo de como criar um site para a sua empresa do jeito certo nos próximos tópicos. Dessa forma, a sua estratégia de marketing será completa e sua marca vai ter bons acessos e expandir no mundo digital.

Passo 1 – Registro do domínio ou URL no processo de como criar um site

O registro do domínio, também chamado de URL, é o primeiro passo para dar vida ao site da sua empresa. Nesse sentido, ele é o endereço que vai fazer com que as pessoas encontrem a sua página na internet.

Trata-se de um elemento de acesso que é pago, em geral de forma anual, para que você tenha a posse sobre ele. Então, garanta que o seu domínio não seja utilizado por ninguém e faça ele com o pensamento de longo prazo. 

URL ou endereço do site

A sigla URL indica o endereço do site que vai fazer com que as pessoas o acessem. Dessa forma, tenha algo que faça sentido de acordo com o seu negócio e o seu produto ou serviço. Afinal, os seus clientes precisam identificar que ali é o espaço da sua empresa.

Escolha a categoria do site

Os sites possuem categorias de domínio e você pode optar entre as .com, .com.br e até .gov caso seja algo com parceria com o governo. Portanto, veja qual é a melhor opção para a sua empresa e dê vida ao seu mundo digital.

imagem de homem usando a caneta para apontar para uma arte que simula uma barra de busca na internet
Opte por usar a sua marca como URL, para que os clientes encontrem com facilidade. Imagem de Freepik no Freepik.

Passo 2 – Como fazer a hospedagem do site?

Ao criar um site e registrar o seu domínio é preciso que ele esteja hospedado em algum lugar. Portanto, é nesse local que todos os elementos de produção de conteúdo das suas páginas ficam armazenados.  

Existem vários modos de você hospedar o seu site e isso é feito por meio de empresas próprias para isso. Nesse sentido, os três modelos principais de armazenar o conteúdo das suas páginas são:

  • Hospedagem por nuvem;
  • Compartilhada;
  • Hospedagem dedicada.

Cada um dos modos de hospedar o seu site possuem características que atendem as necessidades da sua empresa. Com isso, busque conhecer melhor os tipos para identificar qual o negócio ideal para você.

Planos de hospedagem

Os planos de hospedagem são feitos por meio de contratos com outras empresas. Portanto, garanta que o seu site seja armazenado por negócios responsáveis e de bom nome no mercado. 

Hospedagem compartilhada

A hospedagem compartilhada é, em geral, a mais barata, porque você divide espaço com outros sites que também são clientes da empresa. Dessa forma, ela é indicada para quem está no começo e não possui um alto orçamento.

Hospedagem dedicada

Por sua vez, a hospedagem dedicada faz com que cada cliente tenha um servidor próprio para armazenar seu conteúdo. Portanto, trata-se de um modelo mais caro, porém, mais efetivo e de maior qualidade e exclusividade. 

Como criar um site com uma dica de hospedagem?

Escolher um servidor para criar um site não é uma tarefa simples, a dica a seguir vai te ajudar a realizar essa tarefa. Nesse sentido, conheça o gerenciador de serviços de hospedagem cPanel.

cPanel

O cPanel permite que você gerencie, monitore e torne mais seguro o processo de hospedar seu conteúdo. Dessa forma, busque empresas de armazenamento que usam essa plataforma para que consiga controlar melhor o seu site. 

Ele possui uma otimização SEO para o seu conteúdo, além disso, tem extensões para usar no WordPress. Portanto, é uma ótima ferramenta para as empresas que não possuem tanto conhecimento na criação de um site. 

Passo 3 – Aprenda a escolher um construtor de sites

Os construtores de site são os famosos CMS que fazem com que a criação seja mais simples e automática. Nesse sentido, o WordPress é o mais usado e possui tanto hospedagem quanto domínios particulares. 

Para escolher o construtor que melhor se adequa aos objetivos da sua empresa é preciso analisar alguns pontos. Com isso, verifique questões como a capacidade de criação que ele oferece, o suporte e os conteúdos adicionais por meio de extensões e plugins. 

WordPress

O fato do WordPress ser o mais usado entre as marcas é porque ele permite uma automatização ao criar um site. Afinal, seus templates prontos e suas ferramentas de análise de conteúdo são fáceis e intuitivas para qualquer tipo de negócio. 

É comum que as pessoas usem essa plataforma para criar os seus blogs, afinal, ela permite uma constante atualização dos conteúdos. Por fim, também auxilia a otimização SEO das produções com suas ferramentas adicionais.

Use o domínio registrado

Quando você cria um site por meio do WordPress ele gera um domínio automático do próprio gerenciador. Dessa forma, é importante que você altere para o seu registrado para que dê maior credibilidade a sua página.

Dica bônus de como criar um site no WordPress

Caso você opte por usar o WordPress na construção do seu site é interessante que saiba como instalar ele. Para isso, confira a seguir um passo a passo do que fazer para usar a ferramenta:

  • Faça o download da última versão do CMS;
  • Use o cPanel e crie um banco de dados;
  • Coloque seus arquivos no servidor que vai armazenar eles;
  • Faça a instalação do WordPress;
  • Preencha as informações do seu blog e faça bom proveito.

Estude como funciona os processos de criação de conteúdo dentro da plataforma e potencialize o seu negócio. Nesse sentido, a ferramenta dá ao criador uma série de funções prontas que podem ser adaptadas ao contexto da sua empresa. 

Faça uma pesquisa e observe como as outras empresas usam a ferramenta para criar os seus conteúdos. Com isso, você analisa a sua concorrência e gera insights para suprir as produções que faltam no mercado da sua área.

duas mulheres sentadas analisando alguma coisa no computador
Use boas ferramentas para criar um site que dê resultado para sua empresa. Imagem de StartupStockPhotos no Pixabay.

Passo 4 – Qual o objetivo do site?

Definir o objetivo do seu site é o primeiro passo para montar a estratégia que vai fazer com que ele funcione bem. Dessa forma, sua equipe de marketing precisa entender o propósito das suas páginas para que o conteúdo busque atingir as metas traçadas. 

Para que seja possível pensar no objetivo certo para criar um site, é preciso conhecer os tipos de site que existem. Além disso, busque estudar os princípios que dão sentido à existência dessas páginas.

Os motivos são muitos e, sobretudo, variam de acordo com a realidade de cada empresa e o seu ramo de negócio. Portanto, trata-se de uma tarefa primordial para que você dê início a um site de sucesso.

Funções mais comuns para um site

As funções mais comuns para um site são, vender produtos ou serviços ou expandir a imagem da marca para outros meios de comunicação. Além disso, eles também podem nutrir o público com conteúdo relevante para gerar valor ao seu produto.

Eles também têm como função estreitar as relações da empresa com o seu público. Dessa forma, podem servir como um local para tirar dúvidas ou oferecer suporte ao cliente em determinado produto.

Conheça o seu público para criar o site

Para criar o seu site você precisa definir uma persona, ou seja, entender qual é o seu público ideal. Afinal, é com base nele que vai determinar as produções de conteúdo e as formas de interação entre a empresa e as pessoas.

Passo 5 – Como criar um site e listar as seções?

Cada empresa vai demandar uma lista de seções diferentes na hora de criar um site. Dessa forma, é preciso se basear em uma série de modelos padrões e adaptar de acordo com o seu negócio, como, por exemplo:

  • Página inicial com os principais conteúdos visuais;
  • Seção dedica a contar a história da empresa;
  • Lista de produtos e serviços que a empresa oferece;
  • Um portfólio com as principais parceiras e seus trabalhos;
  • Seção dedicada aos meios de contato.

Também é interessante que dentro dessas seções você faça links entre elas e outras páginas do seu site. Dessa forma, você tem um ambiente otimizado e o cliente não se perde nas interações com as abas.

Você precisa definir, também, quais são os subtópicos de cada seção para preencher elas com o que sua marca pode oferecer. Com isso, monta toda a estrutura e segmenta o seu site de forma organizada.

Mapa do site

Definir todas as questões expostas acima é o mesmo que montar o mapa do seu site. Portanto, um bom modelo é o que vai fazer com que a experiência do usuário seja a melhor possível e que as informações cheguem aos visitantes.

Passo 6 – Como criar um site e escolher o tema no WordPress?

Ao criar um site por meio do WordPress você precisa escolher o tema que vai guiar a parte do design da sua página. Para isso, estude as opções que plataforma oferece e defina qual a melhor com base em:

  • Relação com o conteúdo do seu site;
  • Identificação com a cultura da sua empresa;
  • Cores e tipografia;
  • Espaços para imagens e recursos visuais.

Esses pontos são essenciais, porque eles fazem com que o seu template tenha relação com o Branding da sua marca. Portanto, escolher um bom tema é um dos grandes passos para o sucesso do seu site.

Visual e responsividade do site

Além de um bom visual é preciso que o tema seja responsivo, ou seja, permita que o seu conteúdo atinja os objetivos traçados para ele. Dessa forma, foque em templates que possam ser alterados com facilidade e tenham liberdade criativa. 

Dica extra: configuração do tema de como criar um site

Vários temas do WordPress permitem que você os configure da forma que melhor se adeque ao seu objetivo. Para isso, basta ir ao menu “Aparência” e ir na opção de personalizar. 

É possível fazer diversas alterações, contudo, a liberdade dessas mudanças varia de acordo com cada tema. Dessa forma, você pode optar por alterar questões do layout, como é o caso das cores e até a tipografia. 

Também é possível mexer nas imagens e na disposição dos elementos na página. Portanto, personalize de um modo que faça sentido para o seu conteúdo, assim você torna ele mais potente e otimizado.

pessoa com os pés apoiados em cima da mesa. Nessa última há um celular, um laptop e um bloco de papel
Defina o seu tema e a paleta de cores ao criar um site de acordo com a sua marca. Imagem de StartupStockPhotos no Pixabay.

Passo 7 – Produção de conteúdo para o seu site

A produção de conteúdo de um site é a parte mais importante e o principal fator de sua existência. Para isso, entenda os princípios que vão fazer com que suas postagens sejam as melhores possíveis:

  • Escolha um tema que faça sentido em relação a sua empresa;
  • Faça tópicos e segmente seu conteúdo em títulos e subtítulos;
  • Crie textos que se relacionam com as divisões criadas;
  • Garanta que o conteúdo seja revisado antes de qualquer publicação.

Vale dizer que todo esse processo deve ser feito com base nos objetivos do seu site. Afinal, não adianta criar um site cujo foco é expandir a sua marca e focar apenas em conteúdos que anunciam um produto ou serviço.

Garanta que as suas produções tenham relevância e gerem engajamento, ou seja, defina as metas com base nas ações de interação dos usuários. Por fim, realize constantes atualizações dos seus conteúdos. 

Dicas para escrever bons post blogs

Um bom post para o seu blog é aquele que vai fazer com que qualquer um leia com facilidade e entenda o recado. Nesse sentido, de acordo com a proposta do seu conteúdo é possível otimizar o texto para que ele atinja o seu objetivo.

Passo 8 – Como criar um site com imagens de qualidade?

Caso você opte por usar o WordPress é preciso que entenda como ele trabalha as imagens dentro do seu conteúdo. Dessa forma, confira os principais pontos para levar em consideração na hora de definir os recursos visuais:

  • Procure tutoriais de como criar ou resgatar imagens profissionais;
  • Visualize como os outros sites usam as imagens;
  • Defina cores específicas que conversam com a sua marca;
  • Inspire-se em bancos de imagens gratuitos.

Um bom designer também pode ser uma saída, mas para isso é preciso dedicar uma parte do orçamento da empresa. Então, essa opção é mais recomendada para os negócios que buscam investir muito em seus sites.

Faça o uso das imagens com cuidado, ou seja, use somente o que é necessário e tenha relação direta com o seu conteúdo. Dessa forma, os seus usuários terão uma boa experiência de leitura e visualização da página.

Seja criativo

A criatividade é o principal fator na hora de montar as imagens que vão compor o seu site. Para isso, busque referências e veja o que não existe na sua concorrência para preencher as lacunas criativas do mercado do seu negócio.

Como criar um site e usar ferramentas no processo?

Para criar um site é preciso contar com ferramentas de automação para ajudar o processo. Portanto, conhecê-las e saber as suas funções é parte essencial para montar as suas páginas e o seu conteúdo. 

Conheça as principais ferramentas para sites

Existem plataformas e plugins que, aliados ao WordPress, são de extrema utilidade para o seu site. Por isso, conheça as principais ferramentas para você usar na hora de criar o seu conteúdo.

1 – O que é PIXLR?

O PIXLR é uma ferramenta que permite que você crie e edite imagens próprias de uma forma simples e intuitiva. Além disso, a plataforma é gratuita e pode ser acessada pelo seu navegador.

Caso você deseje ir além na criação de imagens, a ferramenta conta com dois planos pagos de upgrade com mais funções, o Premium e o Creative Pack. Portanto, pode ser usado por qualquer empresa de acordo com a realidade orçamentária dela. 

Como criar um site com ferramentas gratuitas de edição de imagens?

As ferramentas gratuitas de edição de imagens são muito importantes para criar um site, afinal, nem sempre você encontra boas imagens no banco gratuito. Além disso, nem toda empresa tem orçamento para pagar um designer. 

2 – Coolors é útil para a marca?

Para uma marca que deseja transformar o seu site em um espaço de promover a sua cultura e seus ideais, a Coolors é muito útil. Afinal, ele gera cores que tenham uma relação visual para criar uma identidade da sua empresa. 

Importância da identidade visual

A identidade visual da sua marca é o que vai fazer com que ela seja reconhecida pelo público. Nesse sentido, o usuário acessa um site e, ao ver os elementos gráficos, identifica de qual empresa se trata.

Paleta de cores da marca

Isso é construído por vários recursos visuais e, sobretudo, pela paleta de cores da marca. Como, por exemplo, as cores vermelho e amarelo que fazem com que o consumidor pense em algo relacionado à comida. 

imagem de um celular no meio de diversos papéis de paleta de cores
A paleta de cores ajuda a criar uma identificação da marca e transmite sensações. Imagem de Freepik no Freepik.

3 – Yoast SEO

O Yoast SEO é um plugin do WordPress para que você otimize o seu texto para que ele tenha um bom ranking no buscador. Nesse sentido, apresenta uma série de ferramentas como:

  • Análise de SEO (título, subtítulo, tags e palavras-chave);
  • Nível de legibilidade do seu texto (voz passiva, conectores e tamanhos da frase);
  • Leitura flesch.

Ele também permite que você veja quantas palavras tem o seu conteúdo, além disso, qual o tempo de leitura dele. Portanto, é uma ótima ferramenta para fazer os passos básicos de um texto bem otimizado.

Ranqueamento do conteúdo no Google

Um conteúdo bem otimizado em SEO tem um bom ranqueamento no Google, ou seja, aparece nas principais páginas do buscador. Desse modo, investir nesse processo é fazer com que as suas produções atinjam mais pessoas. 

Tipos de Palavras-chave

Existem dois tipos principais de palavras-chave que são as long tail e as head tail. Nesse sentido, a primeira consiste em termos longos e que especificam o conteúdo, ou seja, possuem menos concorrência. 

Já a segunda faz parte do grupo de palavras mais curtas e relevantes do assunto, em termos gerais, mais concorridas. Afinal, elas são os termos generalizados do seu conteúdo e possuem alto volume de busca.

4 – Google Analytics

O Google Analytics é uma plataforma que permite que você gere relatórios e análises das métricas relacionadas ao conteúdo e ao site. Com isso, ele apresenta dados essenciais, como:

  • Número de tráfegos no seu site;
  • Como as pessoas chegam ao seu site;
  • Quais páginas geram mais tráfego;
  • Quanto tempo dura um acesso dentro da página.

A plataforma é intuitiva e tem um dashboard com muitos recursos visuais interessantes, como infográficos. Além disso, trata-se de um serviço grátis que é acessado pela sua conta do Google.

Ele também é um jeito de segmentar a sua persona, haja vista as características geográficas que ele obtém dos seus visitantes. Por fim, a ferramenta é usada pelas empresas para guiar tomadas de decisões.

Métricas ou KPIs do seu site

Os KPIs são informações completas e específicas acerca de determinada métrica da sua empresa. Nesse sentido, ao analisar uma métrica de quantas pessoas visitaram o seu site, é possível verificar um KPI como a taxa de conversão desses visitantes em vendas.

Um bom exemplo de uma KPI é o Retorno de Investimento (ROI) que o site proporciona à empresa. Dessa forma, alinhar as métricas a esses indicadores é muito importante para os relatórios.

Como criar um site de sucesso?

Para criar um site de sucesso é preciso ter objetivos claros para guiar o seu conteúdo da melhor forma possível. Nesse sentido, confira as principais dicas sobre como fazer com que as suas páginas sejam bem recebidas pelo seu público:

  • Garanta que o site funcione bem para celulares e desktop;
  • Faça um blog e ligue-o ao seu site por meio de links e CTA;
  • Junte os seus canais de comunicação ao seu site;
  • Escolha um bom tema e adapte-o ao seu conteúdo;
  • Tenha uma otimização SEO.

Com base nos pontos acima é possível fazer um site com um bom funcionamento e que engaje o seu público. Afinal, tudo que as suas páginas precisam é passar as informações necessárias e atingir o objetivo que lhes foi dado.

Principais dicas estratégicas

Algumas das principais dicas estratégicas para um site é, principalmente, escolher bem as suas ferramentas. Dessa forma, um bom CMS e um serviço de hospedagem de qualidade são pontos de muita relevância nessa hora. 

Faça uma análise de como você quer que a sua marca seja vista pelo público, ou seja, crie uma identidade visual. Além disso, o tom de linguagem das suas postagens precisam ir ao encontro da sua persona.

Quais as formas de otimizar o SEO para os buscadores?

É importante que a sua empresa saiba como otimizar o SEO para os buscadores para ter um bom conteúdo no site. Para isso, confira os principais pontos que se deve levar em consideração:

  • Faça bons títulos e subtítulos para montar a hierarquia do conteúdo;
  • Monte uma boa URL que condiz com a sua marca;
  • Defina suas palavras-chave e use-as com parcimônia;
  • Crie links externos e internos para melhorar sua autoridade.

Com base nesses tópicos você vai conseguir fazer com que seu conteúdo chegue em mais pessoas, afinal, ele terá melhores posições na busca. Nesse sentido, faça bom uso do WordPress e do Yoast SEO.

Vale dizer que as ferramentas automáticas não garantem tudo o que seu site precisa, ou seja, procure profissionais para guiar o processo. Para isso, existem os analistas de SEO que garantem essa otimização.

mulher sentada no sofá, usando máscara e trabalhando no seu laptop
Analisar as métricas e tomar decisões com base em insights é o segredo para criar um site de sucesso. Imagem de MaximeUtopix no Pixabay.

O que são backlinks e como conquistar os bons?

Backlinks são uma forma de referenciar outras páginas dentro das suas para gerar autoridade no assunto. Com isso, os links dentro do seu conteúdo devem guiar o leitor para outras produções que têm uma boa visibilidade na área. 

Para conquistar bons backlinks é preciso fazer parcerias com outros sites que são referência no assunto que você quer tratar. Além disso, foque na qualidade dos links e não em quantidade para não poluir a sua página. 

Autoridade e credibilidade do conteúdo

Garantir bons backlinks é construir a autoridade e credibilidade do seu conteúdo. Nesse sentido, as relações que você faz com os outros produtores é bem vista pelo público e gera uma sensação de confiança. 

Como atrair as pessoas certas com o seu conteúdo?

Para atrair as pessoas certas com o seu conteúdo é preciso ter em mente um objetivo claro e uma persona bem definida. Além disso, confira os pontos principais para atingir o público correto:

  • Tenha um bom calendário editorial;
  • Segmente sua persona;
  • Faça conteúdos frequentes e relevantes;
  • Atualize suas produções.

É preciso que todo o seu site siga uma linha de conteúdo bem clara para que não crie confusão no público leitor. Portanto, estabeleça os assuntos que vão ser tratados e faça conexões entre eles por meio de links internos.

Como criar um site para o seu negócio e potencializar as vendas?

Agora basta colocar em prática os passos tratados no decorrer do conteúdo para criar um site e potencializar suas vendas. Para isso, lembre-se de que é preciso ter um bom objetivo em mente, personas delimitadas e profissionais e ferramentas de qualidade.

Defina um bom servidor de hospedagem, crie suas imagens e alinhe-as ao seu tema. Por fim, tenha uma boa frequência de produção e realize a atualização dos seus conteúdos para nunca ficar para trás da concorrência.

Seja o primeiro a ser notificado, sempre que um novo artigo ser publicado

Deixe uma resposta

Usamos cookies para melhorar sua experiência neste site. Ao continuar no site, você concorda com essas condições. Sim Mais detalhes