Tudo sobre Marketing e Empreendedorismo

CTR orgânico: o que é e como isso interfere na taxa de cliques do seu site?

O CTR orgânico é uma métrica que mostra a performance de uma página por meio do número de cliques. Além de ajudar a definir o seu plano de marketing, ela também serve para comparar os resultados dos concorrentes.

Esse indicador sofre influência de vários elementos, por isso, é essencial entender como ele funciona. Assim, é possível propor as ações certas para otimizar o conteúdo e obter mais clientes.

O que é CTR orgânico?

A sigla é a redução do termo Click Through Rate, ou seja, taxa de cliques na tradução. Em resumo, ela mostra a relação entre as impressões e a quantidade de vezes que um usuário entrou no link. 

No caso do orgânico, como o nome sugere, só se leva em conta os cliques naturais. Ou seja, não entram nesse indicador aquelas ações vindas de anúncios ou outro tipo de mídia paga.

Como calcular o CTR

Para chegar ao valor do CTR, é preciso ter os dados relativos às impressões, bem como, os cliques orgânicos. Então, se faz um cálculo simples entre essas duas grandezas, como a seguir:

  • CTR = Cliques / Impressões x 100. 

O resultado, portanto, traz o percentual entre as duas métricas consideradas. Por exemplo, se um site registra em um período 2 mil impressões e 400 cliques, a taxa ficaria em 20% (CTR = 400/2000 x 100). 

Por que otimizar o CTR orgânico?

Usar as técnicas de otimização para melhorar o CTR pode aumentar o tráfego orgânico em sua página. Com isso, pode passar a gastar menos com anúncios pagos, se os acessos naturais forem o bastante.

Ter um bom CTR orgânico também pode ajudar no ranqueamento do domínio nos resultados de pesquisas. Afinal, o usuário é levado a clicar em um link quando, ao ver o título e descrição, correspondem ao que procura.

Como classificar um CTR orgânico como bom?

Analisar essa métrica de forma isolada não é suficiente para saber se o índice é bom. Isso porque, o resultado pode parecer positivo, mas estar abaixo do que os concorrentes atingem.

Para resolver essa questão, algumas plataformas fazem essa comparação. Uma delas é a Advanced Web Ranking, que permite analisar o CTR médio das principais páginas de acordo com o termo de pesquisa.

Taxa média do CTR 

Um estudo feito pela Backlinko apontou que a taxa média de CTR da página que ocupa a 1ª posição nas pesquisas é de 27%. O comparativo analisou mais de um milhão de páginas, com dados obtidos em parceria com a Semrush e ainda mostrou que:

  • A primeira colocada tem o percentual de cliques 10 vezes maior que a segunda;
  • Tags de título com tamanho entre 40 e 60 caracteres têm melhores posições;
  • Uso de palavras-chave longas aumentam o CTR orgânico.

A partir desses resultados, dá para entender a importância de se posicionar bem nos resultados de pesquisas. Por isso, é preciso estar atento aos elementos que podem melhorar o CTR.

Quais elementos interferem no CTR orgânico?

A taxa de cliques orgânicos de uma página é mais alta à medida que o usuário nota já nas primeiras linhas que o conteúdo lhe interessa. Por isso, os principais itens que podem influenciar essa métrica são:

  • Título da página;
  • URL e breadcrumbs;
  • Descrição;
  • Rich snippets.

Nesse contexto, é importante saber como melhorar cada um desses aspectos. Como resultado, vai conseguir aumentar o CTR orgânico do seu site e ganhar mais alcance.

Título da página

Esse é o texto que tem maior destaque nos resultados da SERP e na configuração da página corresponde à Title Tag. Para que seja atrativo e estimule o leitor a clicar, ele precisa ser direto, bem como:

  • Ser conciso, por isso, o ideal é ter em torno de 40 caracteres;
  • Usar palavras de impacto, que chamem a atenção;
  • Conter a palavra-chave, para auxiliar na busca do Google.

Usar uma pergunta como título pode atrair mais cliques, porque coincide com o que o leitor busca. Além disso, é possível usar gatilhos mentais, que despertem sensações positivas no primeiro impacto.

URL e breadcrumbs

A URL fica abaixo do título e mostra o endereço web da página. Assim, ela inicia com https://nome do domínio/ e o complemento. Os elementos que identificam o assunto de que trata o site são divididos em blocos, chamados de breadcrumbs, como no exemplo abaixo:

  • URL: https://jorgemoreno.net/spin-selling/;
  • Breadcrumb: https://jorgemoreno.net> spin -selling.

Para se posicionar bem, é importante que os termos sejam os mais objetivos possíveis e evitar o uso de códigos, por exemplo. Isso torna mais fácil a pesquisa dos buscadores. 

Descrição

Outro item importante para o CTR orgânico é a descrição que fica logo abaixo da URL. Ela antecipa o que será tratado na página, em um breve resumo. Contudo, nem sempre é esse o trecho que o buscador do Google escolhe para mostrar, de acordo com a pesquisa.

Mesmo assim, criar uma boa descrição para o texto e de forma clara pode render mais cliques. Afinal, serve como uma prévia para o leitor saber se o material atende ao que precisa.

Rich snippets

Esse é um recurso extra que está presente em algumas páginas. Para que fique visível, é preciso que seja configurado pelo administrador. Um exemplo disso são sites de hotéis, por exemplo, que destacam as avaliações cinco estrelas.

pessoa sentada, trabalhando no laptop
O CTR orgânico calcula o percentual de cliques de uma página que não venham de mídias pagas. Imagem de StockSnap no Pixabay

Como melhorar o CTR orgânico?

Para ter um bom desempenho no CTR orgânico é preciso ser direto e criar um título, além de uma descrição que chame a atenção. Mas, também é necessário cuidar da otimização da página por completo. 

Os primeiros colocados nas pesquisas têm maiores chances de cliques. Por isso, todas as estratégias estão ligadas. Ou seja, para trazer os resultados, o Google escaneia o conteúdo completo para ver se atende à busca. 

Uma vez que chegue às primeiras colocações, entram em prática as táticas para converter os cliques. Como se vê, todas elas têm que ser postas em ação para que o resultado seja efetivo.

Quais os benefícios do aumento da taxa de conversão?

Uma taxa de conversão alta implica na redução do custo de aquisição por cliente. Afinal, se o  CTR orgânico estiver em um bom patamar, quer dizer que se atrai mais pessoas para sua página de modo natural.

Isso impacta de forma direta na conversão da página, uma vez que é um dos meios de captação de leads e vendas. Com isso, o negócio pode ter mais lucro e ganhar mais reputação no mercado.

Principais ferramentas para análise da taxa de conversão

Alguns recursos permitem monitorar a taxa de conversão para ver como está o desempenho das estratégias de marketing. Por isso, conheça a seguir como funcionam algumas delas.

Visual Website Optimizer

Essa é uma ferramenta que permite a criação de testes A/B. Ou seja, com ela, é possível criar diferentes versões para sua página, a fim de ver qual tem o melhor desempenho perante o público.

Fácil de manusear, ele se integra a várias plataformas, como WordPress e Google Analytics. Ainda, oferece muitos recursos com filtros por região, comparativos entre concorrentes e resultados em tempo real.

Google Analytics

Esse é um serviço do Google que permite monitorar o sucesso das estratégias de marketing. Isso porque, ele oferece uma análise detalhada de vários pontos, como:

  • Número de acessos na página;
  • Tempo de sessão, ou seja, o período que permaneceu no domínio;
  • Origem do acesso, se por meio orgânico ou por anúncios;
  • Taxa de rejeição.

A ferramenta ainda permite fixar algumas metas com base nas ações esperadas. Com isso, fica mais fácil medir a taxa de conversão. Assim, é muito completa e permite personalizar os relatórios de acordo com a sua necessidade.

Qual a relação entre CTR, CPC e CPM?

O CPC, ou seja, custo por clique e o CPM (custo por mil) são métricas usadas para mensurar os gastos com anúncios. Desse modo, à medida que o CTR orgânico fica mais alto, é possível reduzir esses investimentos. 

Nesse cenário, se as interações naturais com a página são boas, a função das ações pagas será apenas para complementar os resultados. Por outro lado, uma vez que os dados que aparecem nas pesquisas já são otimizados, caso rode um anúncio, será mais eficaz.

Também, o custo por clique e por mil vão ser reduzidos, porque a busca entende que aquele site é relevante. Portanto, a estratégia orgânica tem impacto nas ferramentas pagas.

Vantagens em acompanhar o CTR

Analisar o índice CTR ajuda a mapear as respostas do público ao seu conteúdo. Com isso, é possível investir naquilo que deu certo, bem como, corrigir pontos críticos. Além disso, confira a seguir outras vantagens desse acompanhamento.

Aprimorar o Índice de Qualidade (IQ)

O Índice de Qualidade é uma análise feita pelo Google Ads antes de rodar um anúncio. Nesse sentido, o CTR de um site é um dos fatores mais relevantes para esse indicador. Isso porque, uma taxa de cliques maior indica que o conteúdo é relevante.

Com isso, a tendência é ganhar uma exposição mais ampla, porque o buscador entende que as pessoas se interessam pelo que consta no link. Portanto, é um ponto muito importante na estratégia de marketing.

Redução de custos

À medida que o CTR orgânico é mais alto é possível atrair mais pessoas para sua página com menor custo. Assim, gera uma economia com as receitas destinadas à anúncios para promover o conteúdo. 

Isso não quer dizer que deve dispensar por completo o uso de recursos pagos. Afinal, se tem um bom resultado com os acessos naturais, isso pode ser ampliado por meio da mídia paga. Aliás, vai contribuir para que o custo por cliques fique mais baixo.

Melhor rankeamento orgânico

Essa métrica, em conjunto com as técnicas de SEO, contribui para que a página alcance boas posições nas pesquisas. Afinal, no momento que o Google faz a procura, encontra os termos buscados de forma fácil. 

O índice de cliques em um link também interfere no rankeamento de um site. Isso porque, sinaliza ao buscador que aquele conteúdo desperta o interesse do usuário sobre aquele tema.

É preciso, no entanto, que seja de qualidade, para que não haja uma taxa de rejeição alta, o que causa o efeito inverso. Assim, o CTR orgânico é resultado de uma série de ações coordenadas.

Aumento da taxa de conversão

Com melhor desempenho orgânico, a conversão das ações de uma página também aumenta. Isso vai impactar também nos custos com anúncios, uma vez que terá maior destaque nas pesquisas.

mulher sentada, trabalhando em seu laptop. Na mesa há também uma caneca de café
Otimizar o título da página que aparece nas pesquisas pode aumentar o CTR orgânico. Imagem de Startup Stock Photos no Pixabay

Como o CTR orgânico interfere na sua estratégia de marketing?

A análise do CTR orgânico pode ajudar a traçar, bem como, avaliar as estratégias de marketing. Afinal, um dos passos essenciais para o sucesso de um negócio é conseguir um bom alcance de público. 

Nesse ponto, o tráfego orgânico é uma das melhores formas de conseguir isso, além de ser mais econômico. Por isso, vale a pena tomar algumas medidas para conseguir atrair mais visitantes de modo natural. Então, é essencial cuidar de alguns detalhes como:

  • Criar um título direto e que chame a atenção;
  • Ter uma URL simples e autoexplicativa;
  • Fazer uma boa descrição do conteúdo, a fim de incentivar o acesso.

Esses elementos compõem o primeiro contato do usuário com aquele conteúdo. Nesse sentido, precisam ser atrativos, para que a pessoa sinta vontade de clicar e ver a página completa. 

Ações conjuntas

Para alcançar um bom índice no CTR orgânico é essencial pensar em conjunto com outras estratégias. Isso porque, um dos fatores que leva a maior chance de cliques é estar entre as primeiras posições.

No momento da pesquisa, o buscador escaneia não apenas os elementos como título e URL, mas também o conteúdo da página. Por isso, se estiver otimizado, maiores as chances de performar bem.

Cuidado com a taxa de rejeição

Um dos aspectos que pode atrapalhar o CTR é a taxa de rejeição. Ou seja, quando a pessoa sai da página depois de alguns instantes. Isso ocorre, em especial, se ela não encontra aquilo que esperava.

Para evitar isso, é essencial criar conteúdo de valor, que responda às principais questões sobre o tema. Por isso, é muito importante estar atento aos termos mais buscados, porque refletem o que os usuários querem saber.

Seja o primeiro a ser notificado, sempre que um novo artigo ser publicado

Deixe uma resposta

Usamos cookies para melhorar sua experiência neste site. Ao continuar no site, você concorda com essas condições. Sim Mais detalhes