Tudo sobre Marketing e Empreendedorismo

Como convencer alguém a fazer uma compra? Dicas práticas

Às vezes é necessário convencer alguém para garantir o fechamento de vendas. Contudo, deve-se considerar alguns pontos para a abordagem correta e despertar o interesse do cliente pelo produto. Assim, veja quais estratégias seguir para conquistar o consumidor.

É possível convencer alguém?

Para convencer alguém de algo é preciso ter um bom poder de comunicação, isto é, o quão clara é a mensagem transmitida ou recebida. Além disso, ser persuasivo tem grande importância para o sucesso dela e consiste em aplicar várias estratégias para levar uma pessoa a tomar certa atitude.

Algumas pessoas entendem a persuasão como algo negativo, contudo, ela é positiva por servir ao interesse de ambos os lados. Ou seja, tanto o vendedor quanto o cliente, o que é o contrário da manipulação, que visa beneficiar apenas quem vende. 

Diferença entre persuasão e manipulação

A persuasão tem a característica de aproximar o consumidor da marca e gerar sentimentos positivos. Já a manipulação pode, inclusive, deixá-lo estressado e fazê-lo sentir culpa ou medo por meio de induções que parecem inofensivas. Um exemplo são os casos em que você compra algo por se sentir em falta com o vendedor da loja ou um local. Também pode-se citar esses outros tipos de estratégias negativas:

  • Desenvolver campanhas de marketing com base em medo ou imposição;
  • Induzir a pessoa a acreditar que precisa comprar seu produto, o que não é verdade;
  • Pedir favores a algum cliente após concedê-lo algo, como um brinde.

Como visto, a manipulação acontece ao estimular sentimentos negativos com consequências ruins ligadas ao relacionamento com o consumidor. Assim, compromete as próximas vendas do estabelecimento. 

homens de terno, em pé, olhando para uma prancheta
Para convencer alguém de uma compra é preciso se relacionar bem com o cliente. Imagem de standret no Freepik

Como convencer alguém a comprar um produto?

Existem alguns passos a se tomar para convencer alguém a se interessar pelo seu produto e comprá-lo. Desse modo, diferente na manipulação, você constrói um relacionamento positivo e duradouro por meio de boas experiências com seu público-alvo

Uma vantagem de ter alguém convencido é que ele também vai te indicar para terceiros. Para saber como conseguir esses resultados, confira os tópicos a seguir com algumas dicas do que deve fazer para influenciar e persuadir pessoas.

1- Por que é importante ter um relacionamento com o cliente?

Com a técnica do funil de vendas, já se sabe que há um momento certo de abordar o cliente para a compra. Afinal, tomar essa ação antes da hora pode prejudicar a intenção dele de adquirir o produto no futuro. Então, é muito importante criar um relacionamento com ele antes de tentar fazer uma venda.

Isso é algo que leva tempo e demanda esforço, já que envolve conhecer bem a pessoa para gerar confiança. Dessa forma, você “prepara o terreno” para quando for abordá-la de fato.

2- Para convencer alguém é importante usar a linguagem certa?

As negociações de maior sucesso são aquelas que se fazem com uma comunicação clara para convencer alguém. Nesse sentido, é errado utilizar de algumas frases de vendas clichês que, na verdade, não são tão compreensíveis como se parece.

Expressões como satisfação garantida ou dizer que os preços estão imbatíveis podem causar dúvidas nos clientes, pois são informações relativas. Dessa forma, elas precisam ser mais assertivas para gerar interesse. Da mesma forma, a linguagem corporal também é importante ao interagir, pois ela indica como a pessoa reage à abordagem.

3- As necessidades do cliente são prioridade?

Ao conhecer melhor as necessidades do cliente e do problema que ele precisa resolver, você deve demonstrar interesse em ajudá-lo. Ou seja, ter empatia para com ele e gerar uma confiança que te ajudará a convencê-lo. Aliás, mesmo que seu produto não resolva a questão da pessoa, sempre busque direcioná-la a tomar uma melhor decisão, mesmo que não se relacione ao seu negócio.

pessoas se cumprimentando com aperto de mãos
Para convencer alguém é preciso ter empatia com os interesses do cliente. Imagem de Freepik

4- Convencer alguém exige naturalidade

Um grande inimigo ao tentar convencer alguém é o famoso ato de forçar a barra ou então tratar o cliente de uma forma muito automática. Dessa maneira, a negociação pode dar a impressão de que você quer apenas vender o produto sem dar muita importância a quem compra. Portanto, sempre haja com naturalidade e leve em conta os interesses da pessoa.

5- Por que falar dos benefícios de um produto?

Sempre que precisar convencer alguém a comprar seu produto é essencial que fale quais são os seus benefícios. Informar ao cliente o que ele ganha ao adquiri-lo é um ponto chave para despertar o seu interesse. Isto é, como vai impactar o dia a dia dessa pessoa em específico. 

6- Vão existir objeções na hora de convencer alguém?

Em muitos casos, o consumidor pode pensar em problemas que podem ocorrer se fizer a compra. Nesse sentido, o vendedor deve saber contornar a situação e colocar as vantagens do produto acima dos possíveis riscos. Como resultado, ele vai demonstrar transparência e ter informações que o ajudarão a fazer o melhor negócio.

7- Como abordar a exclusividade de um produto

O último passo para convencer uma pessoa é mostrá-la porque o seu produto é único e se destaca no mercado. Afinal, existem milhares de marcas e exemplares que fazem sucesso ou que oferecem algo a mais. Por isso, precisa-se exaltar as características dele e mostrar ao cliente como tal item pode melhorar o dia a dia dele.

Procure convencer alguém de forma estratégica

Após conhecer todas essas dicas, convencer alguém de uma maneira estratégica vai se mostrar uma boa ideia. São vários os benefícios que sua empresa pode obter, além de garantir uma maior base de clientes. Por exemplo, algumas vantagens de seguir esse plano são os seguintes:

  • Fidelização de clientes;
  • Contribui para o marketing boca a boca;
  • Destaque entre os concorrentes;
  • Ter uma imagem de credibilidade e transparência.

Por último, fica claro que se esforçar para convencer pessoas da maneira correta não resulta somente em vendas, mas em vários ganhos para a empresa. Então, procure sempre planejar bem suas ações e o modo que faz as negociações para ter resultados cada vez mais positivos.

Seja o primeiro a ser notificado, sempre que um novo artigo ser publicado

Deixe uma resposta

Usamos cookies para melhorar sua experiência neste site. Ao continuar no site, você concorda com essas condições. Sim Mais detalhes