Tudo sobre Marketing e Empreendedorismo

Site responsivo para o Google: entenda a importância de adaptar a sua página

Ter um site responsivo para o Google se tornou essencial. Isso porque, a prioridade é oferecer uma navegação com conforto e qualidade ao usuário. Além disso, é uma mudança necessária devido ao novo perfil de users.

Hoje em dia, é muito mais fácil utilizar a busca por meio dos dispositivos móveis do que por desktops. Por isso, uma versão mobile para as páginas da web é tão importante. Nesse sentido, saiba como a importância de criar um site ou adequá-lo a essa nova realidade.

O que é um site responsivo para o Google?

Um site responsivo para o Google é aquele que altera o seu layout de acordo com o tamanho da página. Ou seja, ele se adapta a qualquer tipo de resolução, sem distorções. Assim, seja no PC, tablet ou no celular, o conteúdo se ajusta ao formato da tela.

Como funciona o mobile-first index?

O Mobile-first index funciona por meio dos bots do Google que fazem pesquisas em sites para buscar dados. Dessa forma, a versão desktop deixa de ser a principal e os dispositivos móveis passam a ganhar prioridade.  

Experiência do usuário

A experiência do usuário é o ponto principal dessa ideia. Isto é, sites que se adaptam a qualquer aparelho e torna possível oferecer uma navegação de melhor qualidade se destacam. 

De acordo com uma pesquisa da SemRush sobre os mil sites mais visitados do mundo, 66% dos tráfegos deles vieram de dispositivos móveis e não desktops. Portanto, uma página responsiva é uma realidade, não apenas uma tendência.

pessoa trabalhando no tablet e no laptop ao mesmo tempo
O site responsivo para o Google oferece experiência de qualidade na busca dos usuários. Imagem de Pixabay no Pexels.

Qual a relação de um site responsivo com o Googlebot?

Um site responsivo tem relação direta com o Googlebot, pois é por meio dos acessos que a página terá valor e será rankeada. Além disso, alguns pontos que valem a pena citar são:

  • Configure redirecionamentos 301 dos URLs para dispositivos móveis;
  • Remova as configurações próprias para a URLs versão mobile;
  • Ajuste o rel=canonical nos URLs responsivos.

Antes de tudo, faça um plano para as mudanças e adaptações, assim que estiver com o site responsivo para o Google pronto. Além disso, não precisa alterar as redireções, caso use a transmissão dinâmica.

Redirect 301

O Redirect 301 é preciso para a estrutura e SEO de uma página na web. Por isso, ele é indicado para redirecionar o usuário, já que o site que ele procura mudou de endereço. Ou seja, ele está em uma nova URL. Casos em que ele é utilizado são, por exemplo:

  • Mudança de endereço eletrônico;
  • Para evitar duplicar conteúdos;
  • Redirecionar uma página que já não existe mais;
  • Atualização de URLs, como site responsivo para o Google.

Seu uso é para orientar os usuários e evitar que eles fiquem perdidos no meio online. Assim, é possível manter a experiência de busca tranquila, além de atrativa.

Vantagens de ter um site responsivo para o Google 

Ter um site responsivo para o Google traz vantagens aos usuários e ajuda a ranquear a sua página. Além disso, veja outros benefícios que se deve levar em conta:

  • É mais prático para gerar relatórios;
  • Mais rápido na resposta de busca;
  • Fácil para a instalação de novas práticas.

Outro detalhe é que não é preciso gerenciar URLs separadas para todas as páginas. Com isso, se torna mais prática a manutenção e a configuração do seu site. Dessa forma, veja essa mudança como uma chance de fazer a sua página e marca ganharem mais espaço.

Seja o primeiro a ser notificado, sempre que um novo artigo ser publicado

Deixe uma resposta

Usamos cookies para melhorar sua experiência neste site. Ao continuar no site, você concorda com essas condições. Sim Mais detalhes