Tudo sobre Marketing e Empreendedorismo

O que é o brand book, como utilizá-lo e por que implantar na sua empresa?

Em português, manual da marca, esse é o brand book, responsável por ajudar a criar peças essenciais para uma boa comunicação. Nesse sentido, é uma forma de garantir que as pessoas internas ou externas entendam como funciona a empresa, bem como os seus valores.

O que é o brand book?

Trata de um documento que define todos os aspectos relevantes da estrutura de uma marca. Assim, conjuntos de regras e práticas, tal qual uma logomarca que possui um personagem, isso diferencia esta das demais e a torna única. 

O que é possível encontrar em um brand book?

Em um brand book é possível identificar a missão, o valor e a apresentação visual de uma empresa. Ademais, usa o branding que nada mais é que um modo de gerenciar as estratégias da marca. A ideia é que as pessoas tenham acesso a informações de um negócio. Desse modo, ocorre por meio comunicação que pode ser em sua forma geral ou restrita.

Branding

A tradução literal de brand é marca, portanto, branding pode se entender como “gestão de marca”. Ou seja, são ações de marketing e estratégias que empresas realizam para levar o sentimento do consumidor e a sensação aos clientes.

Criar um logotipo com os valores ditos pela marca leva diretamente ao posicionamento e ao conhecimento sobre ela. Ao mesmo tempo em que constrói a identidade visual e a fidelização do cliente que leva o nome da empresa, tal qual a defende em todas as circunstâncias.

Qual o objetivo do brand book? 

Há alguns objetivos que cabe citar para aplicar o manual da marca, bem como unificar toda a comunicação da empresa. Ou seja, organizar os aspectos necessários de uma empresa em um só local.

Trata-se de um documento que servirá como uma direção para os funcionários da área de comunicação ou aqueles que prestam serviço autônomo (freelancer), ou seja, um guia. Dessa forma, diminui o risco de ocorrer a divergência que é muito comum nas empresas que é a falta de unidade nas peças e abordagens.

Também tem o fim do posicionamento na mente do consumidor, ou seja, cria uma imagem para que o consumidor fixe, como uma conquista de um espaço. Bem como é importante humanizar a marca, para que haja mais interação com o cliente, isso atrai mais pela empresa exercer personalidade, que é uma das ações de estratégia de marketing.

O que deve ter em um brand book?

Há elementos que não podem faltar na criação de um brand book eficiente. Para isso é preciso ter alguns itens que são essenciais, por exemplo:

  • Paleta de cor, prioridade, tipografia;
  • Fotografia, banco de imagens, logotipo, layout;
  • História da empresa, cultura organizacional;
  • Missão, visão, valores, pilares;
  • Código de conduta e tom de voz.

Os novos funcionários devem ter acesso a esse documento tal qual todos os veteranos. Porém, é preciso manter sempre a atualização em dia, para que acompanhe o mercado e suas tendências.

O que é preciso para ter um bom brand book?

Para fazer um bom brand book é preciso seguir os elementos que ele deve ter, para assim, garantir que seja eficiente e traga bons resultados. Nesse sentido, busque um portfólio que tenha um diferencial, bem como, traga uma identidade visual para a marca.

É importante observar o mercado e suas tendências, para verificar se precisa atualizar algo ou se algo entrou em desuso (para ser útil). Dessa forma, todos devem estar no caminho do mesmo propósito, então, o acesso deve ser para todos e a qualquer momento para garantir sua eficiência.

Como proteger a marca?

É importante, além de obter um brand book, garantir uma boa proteção para a empresa. Nesse sentido, registrar a marca é essencial e um ato indispensável. No Brasil, essa ação precisa ser feita perante o INPI. 

O que é marca?

A marca tem como função identificar a origem de um produto e serviço além de distingui-la das demais. Há três formas de apresentação que é a nominativa, figurativa, mista e tridimensional. Dessa forma, a primeira é nominal, a próxima é através da imagem, já a terceira são conjuntos de elementos e por fim, a forma do produto, como o plástico.

Conceito de ideias criativas para desenvolver a identidade de um produto
É preciso que haja muito estudo e uma boa estratégia para que o brand book faça seu papel e garanta eficiência no que busca. Imagem de Rawpixel no Freepik

Como se inscrever no INPI?

Para isso, é preciso entrar no sistema e-INPI de forma online, em seguida pagar o GRU – Guia de Recolhimento da União e seu custo varia entre R$ 142 a R$ 530. Logo, preencha os formulários que podem ser eletrônicos ou no próprio papel, após isso acompanhe o serviço, isso pode levar cerca de 12 e 13 meses. 

Após o prazo será possível ver a decisão através da Revista da Propriedade Industrial – RPI, que será a publicação oficial. Logo após, gera-se novo GRU, e por fim pegar o certificado.

Dicas para um brand book

Há poucas dicas, mas que são importantes, antes de tudo, crie um objetivo, assim sua marca sai do zero e começa a caminhar. Em seguida, defina e organize suas estratégias e o marketing, após é a hora de fazer um manual.

Como fazer e o que é preciso para criar um, verá nos próximos assuntos, mas o importante é seguir todos os elementos e garantir que seja realizado conforme o que for exigido em lei tais quais os elementos subjetivos. 

Benefícios de ter um brand book

É importante a criação deste manual para uma empresa, pois além de organizar mantém um padrão acessível e de fácil entendimento. No entanto, há alguns benefícios que é válido citar, tais quais:

  • Compatibilidade – comunicação sem ruído para atestar ser compatível;
  • Tempo – por ser acessível, não é necessário vários encontros para falar sobre os assuntos;
  • Regras – qualquer regra que a empresa tenha o ideal é fixar, para sejam claras e respeitadas. 

São só alguns deles, mas há outros como a própria acessibilidade. Assim, é uma das formas de mostrar a evolução da marca e sair na frente da concorrência.

Exemplos de um brand book

Há exemplos que podem ser usuais para inspirar aqueles que não sabem por onde começar. Além disso, é muito comum usar entre duas ou três cores, logomarcas únicas e que remetem às marcas, por exemplo, quando se pensa em vermelho com uma escrita e estilo bem definidos, pode fazer lembrar de alguma marca, talvez duas ou três no máximo. Isso ocorre por estar na mente do usuário mesmo sem muitos detalhes.

Qual é a importância do brand book para seu negócio?

Torna a burocracia mais simples e processos internos. Com isso ocorre a otimização do trabalho, e de forma consequente a produtividade. Esse documento é essencial para que a marca aperfeiçoe sua comunicação. Através disso, é importante e vantajoso o trabalho em equipe que ocorra de forma leve e fluida. Bem como, cumpra com os seus objetivos para aumentar o poder de conquista do mercado, credibilidade e autenticidade.

Marketing no brand book

Ao alinhar com o marketing, ele ajuda na resolução de problemas, além de assegurar que os resultados venham. Dessa forma, todos estarão juntos para atingir o mesmo objetivo e elevar a empresa a outro patamar.

Usamos cookies para melhorar sua experiência neste site. Ao continuar no site, você concorda com essas condições. Sim Mais detalhes