Tudo sobre Marketing e Empreendedorismo

O que é crowdfunding e como fazer um financiamento colaborativo?

O crowdfunding é um modelo financeiro que possibilita diversos projetos no meio digital que antes não eram possíveis por falta de verba, assim, veja como ele funciona

O crowdfunding foi uma ideia que ajudou muitos programadores, roteiristas, bem como, demais profissionais que atuam no meio digital a desenvolverem seus projetos por meio de um financiamento colaborativo. Então, entenda o conceito e como ele se aplica na prática.

O que é crowdfunding?

O crowdfunding ou “financiamento pela multidão” em português, é um modelo com base na web com foco em criativos em todo o mundo. Ou seja, uma pessoa que deseja desenvolver um game ou criar um filme e não tem verba pode aderir a essa prática.

Essa forma de financiamento vem ajudando muitas pessoas ao redor do mundo a tirarem os seus projetos do papel. Assim, ele é extremamente difundido em todo o mundo com o uso da internet e é considerado um modelo de negócios colaborativo.

Você pode investir em um projeto simplesmente para ajudar a causa, ou pode negociar algum tipo de retorno com o seu incentivo. Mas, essa não é uma ideia nova, já que Alexander Pope já tentava implantar esse método no século XVIII para traduzir poemas.

A internet facilitou e muito esse processo, já que ajuda a conectar pessoas que têm um projeto para criar com outras que tem a intenção de ajudar financeiramente. Além disso, conta com plataformas de pagamento que oferecem opções de bankline e cartão de crédito.

Como funciona o crowdfunding?

O processo do crowdfunding de modo geral é bem simples, basta você criar uma campanha online por meio de uma plataforma digital. Então, deve-se mencionar todos os detalhes do projeto como data para conclusão, os recursos necessários e benefícios.

Você deve informar também o que as pessoas podem ganhar em troca desse plano. Assim como, de que forma os colaboradores podem apoiar a ideia. Depois disso, é só aguardar e acompanhar o engajamento do seu projeto.

Quais os tipos de crowdfunding?

Ele apresenta dois modelos principais de financiamento, confira em seguida:

  • tudo ou nada;
  • flexível.

No modelo tudo ou nada, você só recebe a quantia quando alcança a meta proposta no seu projeto. Caso contrário, todos os investidores recebem o dinheiro de volta. Já no modo flexível, mesmo que a meta não seja alcançada, você recebe a verba com os descontos.

A cobrança das taxas é feita de forma direta pelas plataformas onde o profissional hospeda a sua campanha. Nesse sentido, há também os modelos de crowdfunding com base no retorno dos investidores, veja nesta lista:

  • peer-to-peer ou debt;
  • equity;
  • com base em recompensas;
  • baseado em doações.
Homem segurando prancheta e caneta e fazendo anotações enquanto outro ao seu lado aponta para algo já escrito no papel
O crowdfunding permite que muitas pessoas criativas tirem os seus projetos do papel com o incentivo financeiros dos apoiadores.  Imagem de George Morina no Pexels

O que é peer-to-peer ou debt crowdfunding?

Esse modelo se assemelha e muito com um empréstimo tradicional. Ou seja, os investidores fazem um acordo de apoio financeiro, mas o retorno tem juros. Mas, estes costumam ser bem menores do que os apresentados pelos bancos.

É possível fazer equity crowdfunding?

O equity é um tipo de financiamento com foco em quem quer desenvolver um negócio e não um produto propriamente dito. Portanto, é um submodelo desse tipo de investimento coletivo onde pessoas buscam ajuda para a sua ideia.

Em um projeto que precisa de R$ 100 mil, por exemplo, você pode criar uma campanha nesse valor e aguardar que vários investidores ou apenas um tenha a quantia para contribuir com a sua ideia em forma de negócio.

O financiamento coletivo, no entanto, torna o processo de captação muito mais simples, tanto para quem teve a ideia, quanto para quem quer multiplicar os seus recursos por meio de investimentos.

Como funciona o crowdfunding baseado em recompensas?

Nesse modelo não há retorno em dinheiro, então, o apoiador recebe uma recompensa não financeira que pode ser tanto um produto ou serviço. Essa condição deve ser informada no momento da criação da campanha para evitar transtornos na sua conclusão.

De que forma é feito o crowdfunding baseado em doações?

O crowdfunding baseado em doações é muito usado em ações sociais onde as pessoas precisam de apoio financeiro para uma determinada campanha. Mas, seus doadores não recebem nada em troca em termos financeiros ou materiais.

Quais os benefícios do crowdfunding?

O crowdfunding tem vários benefícios para quem quer desenvolver um projeto pessoal e não tem verba para investir. Confira em seguida, os principais e o detalhamento de cada um deles:

  • comprovação de mercado;
  • produção sob encomenda;
  • alcance;
  • objetividade;
  • marketing;
  • eficiência.

O que é comprovação de mercado no financiamento coletivo?

A comprovação de mercado é um dos principais benefícios para quem quer desenvolver um projeto nesse modelo. Afinal, é isso que determina se o seu produto tem chances de funcionar no mercado. Ou seja, se alguém de fato quer investir na sua ideia.

Durante o período que a campanha fica em aberto para receber o apoio dos interessados, você consegue determinar se deve ou não seguir com aquela ideia. Caso as pessoas estejam dispostas a pagar pelo projeto significa que é possível ter uma oferta de mercado.

Como funciona a produção sob encomenda neste financiamento?

O crowdfunding determina quantos produtos daquele projeto você deve desenvolver, afinal, deve-se enviar somente para quem pagou por ele. Dessa forma, é possível evitar qualquer desperdício, seja ele de tempo ou de recursos que você precisa para criá-lo.

Homem de jaqueta de couro marrom aperta mãos de outro homem na sua frente que veste paletó preto
As plataformas de crowdfunding permitem que pessoas criem campanhas e encontrem investidores dispostos a aplicar dinheiro ou fazer doações para o projeto. Imagem de RODNAE Productions no Pexels

De que forma o alcance ajuda nas campanhas de financiamento coletivo?

Como todas as ações e campanhas são feitas por meio de plataformas digitais de crowdfunding, é possível alcançar milhares de investidores ao mesmo tempo. Assim, eles podem interagir e apoiar o seu projeto, além de divulgá-lo para mais pessoas.

É possível ter objetividade nas campanhas de financiamento coletivo?

Quando você cria uma campanha para o seu negócio é possível ter uma visão macro de todas as esferas como seus recursos, proposta de valor, mercado, ofertas e sua história. Dessa forma, tudo fica mais claro e você consegue determinar o seu objetivo.

Como o marketing se aplica no crowdfunding?

Você pode aproveitar as suas mídias digitais do início ao final da sua campanha para divulgar o seu projeto. Ou até mesmo usar o e-mail marketing e outras estratégias online para captar mais pessoas que queiram apoiar a sua ideia.

O uso do financiamento coletivo é eficiente para a sua estratégia?

Uma campanha de crowdfunding é muito eficiente porque concentra todos os esforços para a captação de recursos em um só lugar. Assim, pode direcionar os pedidos para potenciais investidores ou clientes sem ter que buscar de forma individual e é mais acessível.

Como e onde conseguir um crowdfunding?

No mercado há vários sites para você praticar o crowdfunding e cadastrar a sua empresa para começar a receber os investimentos. O passo a passo simples para seguir é:

  • configurar uma página com a descrição do projeto;
  • fazer a promoção de conteúdo;
  • gerenciar e atualizar o projeto, quando necessário;
  • aceitar as doações online;
  • especificar os tipos de projetos ou campanhas.

Vale ressaltar que você deve fazê-lo de forma clara e objetiva. Além disso, ela deve ser atrativa para captar o público que, de fato, se interessa pelo que tem a oferecer no mercado. Mas, fique atento às taxas para que fiquem dentro do seu orçamento.

Quais as maiores plataformas de crowdfunding?

Existem várias plataformas de crowdfunding tanto no Brasil, quanto no mundo e cada uma delas tem recursos que certamente vão aprimorar a sua campanha. Veja em seguida, uma lista com as principais no mercado:

  • Catarse;
  • Kickante;
  • Vakinha;
  • Kickstarter;
  • Indiegogo;
  • Rockethub.

Saiba que todas contam com milhares de pessoas prontas para promover os seus projetos, além de outras para apoiá-los e tudo de forma online, bem como sem maiores complicações.

Quais foram os projetos que tiveram origem com o crowdfunding?

O crowdfunding possibilita a criação de diversos projetos que hoje estão presentes e que não seriam possíveis sem essa iniciativa. Eles costumam ser muito interessantes e fazerem muito sucesso depois de lançados nas plataformas.

Homem com relógio preto no pulso esquerdo com mãos diante de notebook que exibe gráficos com os dedos entrelaçados
Não basta criar uma campanha e aguardar os investimentos, você deve praticar o marketing digital para ter mais resultados. Imagem de Anna Nekrashevich no Pexels

Veja nesta lista os principais tipos de projetos que foram criados com esta iniciativa:

  • livros e HQs;
  • discos;
  • filmes;
  • podcasts;
  • games;
  • shows e eventos.

O livro contos de fadas originais é um exemplo de financiamento coletivo literário. A banda Dead Fish e os gaúchos Apanhador Só foram lançados nesta iniciativa. Além disso, filmes como o Clube da Luta e o podcast Serial nasceram com base no crowdfunding.

BioShock e Dead Space entram na categoria dos games. Já o show Chama o Síndico em 2016 foi uma inovação feita na plataforma Catarse. Isso tudo não seria possível sem que apoiadores ajudassem com o financiamento coletivo.

Qual a relação do crowdfunding e do marketing digital?

Para que uma campanha de crowdfunding tenha sucesso é bom ter conhecimento na área de marketing digital para a divulgação. Afinal, você pode usar suas mídias digitais para fazer com que o seu projeto tenha o alcance ampliado.

Confira em seguida, uma lista com os principais pontos de marketing digital para crowdfunding que você deve considerar, a fim de criar uma campanha nessas plataformas:

  • social media;
  • mídia paga;
  • marketing de conteúdo;
  • SEO;
  • análise de dados.

Por meio de um social media, é possível fazer a gestão das suas mídias digitais. Já com a mídia paga, você consegue promover anúncios para um público-alvo direcionado. O marketing de conteúdo, então, é essencial para promover o projeto com material de valor.

O SEO garante as melhores posições nos buscadores da internet. Por fim, é com o uso da análise de dados que se pode checar o que funciona para a sua estratégia e o que deve ser mudado ou eliminado para que possa alcançar os objetivos do marketing.

Usamos cookies para melhorar sua experiência neste site. Ao continuar no site, você concorda com essas condições. Sim Mais detalhes