Tudo sobre Marketing e Empreendedorismo

O que são mídias digitais e como usá-las de maneira estratégica?

As mídias digitais funcionam com o seu conteúdo distribuído pela internet. Ou seja, pode se tratar das redes sociais, blogs, sites e entre outros meios. Além disso, tem alguns tipos que as diferenciam e as deixam com suas próprias vantagens para serem usadas.

Trata-se de todo conteúdo ou veículo de comunicação que usa a web como meio de distribuição. Então, gera a chance de conseguir algum feedback que venha do receptor. Assim, é mais eficaz do que a mídia analógica ou offline, como era conhecida. 

O que são mídias digitais?

Ela é toda composta por códigos numéricos ou dígitos, que é onde vem o nome digital. Funcionam como meios de comunicação em massa, por isso podem ser sites, blogs, redes sociais ou qualquer outro. Dessa forma, os canais principais usados para interação podem ser representados também com os mais famosos como:

Muitos canais digitais passaram a amadurecer nos últimos anos, portanto, essas plataformas que se tornaram conhecidas são estrelas para esse cenário comunicativo. As redes sociais são um dos meios mais conhecidos dentro das mídias, mas ainda há outros.

Quais os tipos de mídias digitais?

Eles são agrupamentos de formatos das mídias digitais, ou seja, cada uma se encaixa melhor em uma categoria. Assim, em todas tem ferramentas especiais e com um papel essencial para ajudar com as estratégias de divulgação.

O que é mídia paga?

Trata-se de uma das mídias que mais se parecem com as tradicionais. Portanto, é nela que se paga para aparecer, como se faz com as propagandas. Dessa forma, dentro da internet, as empresas ou outros profissionais investem dinheiro para ter a promoção de:

A ideia é se promover dentro de sites ou plataformas que consigam ter um bom alcance. Além disso, é possível usar algumas ferramentas como o Google Ads, Google Adsense, Facebook Ads e Instagram Ads

Como funciona a mídia ganha?

Funciona como uma mídia espontânea, já que não há pagamentos de maneira direta para ter exibições. Dessa forma, a ideia é que ela seja gratuita, mas ainda é preciso investir para chegar até o público que deseja. Portanto, os resultados que ela traz não podem ser vistos como naturais de maneira completa.

Dá para usar as estratégias de Inbound Marketing para fazer o uso dela. Assim, é possível se relacionar com apenas um nicho e criar um relacionamento bom com as pessoas. Contudo, não é preciso fazer pagamentos ao Google para que seu conteúdo seja exibido, mas é essencial que tenha planejamento.

O que é mídia própria?

Como o nome diz, esse é um dos tipos de mídias digitais que é oferecido pela própria empresa. Assim, pode se tratar de sites próprios, aplicativos e entre outros. Contudo, o seu uso é para agregar valor com os seus conteúdos e informações para nutrir leads para a marca. Seu benefício é a falta de restrição como acontece com terceiros, como o Facebook.

Uma estratégia com o uso da mídia própria pode ser bem eficaz para aumentar o alcance. Mas, também ajuda no fortalecimento da autoridade que a empresa tem, bem como, nas conversões.

As principais vantagens das mídias digitais?

Com o uso do marketing digital é possível ver vários benefícios com as mídias. Além disso, não é preciso escolher investir em apenas uma ao fazer seus planos de comunicação. Dessa forma, a escolha de cada uma precisa estar por dentro dos negócios. 

Os usuários veem a grande diferença entre os tipos de mídia, assim, cada um tem sua preferência a respeito do que consomem. Por isso, o ideal é apostar naquelas que servem para os planos da marca ou empresa com base em seu público.

Preço dos produtos

Quando se investe nas mídias digitais, os gastos tendem a ser menores do que com as tradicionais. Ou seja, algumas que são bem conhecidas e usadas são:

  • Televisão;
  • Out of home.

O uso das campanhas pela internet não as tornam mais baratas, mas é mais prático. Por exemplo, os seus custos tendem a ser flexíveis e consegue agregar outros benefícios. 

pessoa sentada, trabalhando em seu laptop
As mídias digitais se propagam pela internet por meio de seus veículos de comunicação. Imagem de rawpixel.com no Freepik.

Segmentação de clientes

Um dos maiores benefícios de fazer anúncios com a ajuda da internet é a segmentação. Assim, tem várias possibilidades para que se possa aproveitar ao máximo. Por exemplo, é possível direcionar o seu conteúdo para algum público definido.

Graças a essa ajuda, dá para poupar os esforços e também o dinheiro gasto, já que qualquer conteúdo será entregue para as pessoas que têm interesse real e não para todos. Além disso, tem grandes chances de conseguir engajamento e ganhar clientes fiéis para o seu negócio. Então, é menos limitada do que as mídias analógicas e dá para atingir o seu público-alvo sem ter grandes problemas.

Flexibilidade

Com as mídias digitais dá para fazer várias estratégias para divulgar pela internet. Então, além de poderem ser elaboradas com mais eficiência, também dá para adotar múltiplos canais. Dessa forma, quem tem a intenção de gastar menos dinheiro, consegue combinar as ações que dão mais vantagens.

Sua estratégia precisa ser desenhada conforme como o seu público se comporta. Assim, é mais fácil de usar a segmentação a favor da marca ou empresa.

Mídias digitais e monitoramento

Existem várias ferramentas que ajudam a monitorar como anda a estratégia. Por exemplo, é possível fazer verificações na plataforma dos concorrentes, mas também na própria e conseguir dados como:

  • Detecção de falhas;
  • Otimização.

Trata-se de uma ótima maneira de melhorar os seus resultados com as mídias digitais. Assim, dá para ter uma noção se as ações de marketing dão certo ou se precisam de alguma mudança.

Análise de resultados

Os resultados que as ferramentas entregam são bem ricos em informações. Dessa forma, é possível fazer análises bem precisas, bem como, dá para conseguir insights. Assim, são dados úteis o suficiente para conseguir saber como anda toda a estratégia de marketing.

Então, como consequência, é ótimo para dar impulsos em iniciativas que podem dar certo ou fazer adaptações para o que não traz lucros.

Usar as mídias digitais diminui os riscos de um negócio?

Dá para fazer testes A/B que ajudam a tornar as estratégias de divulgação mais eficazes. Por exemplo, eles são ótimos para fazer a identificação de comportamentos específicos a respeito do público. Dessa forma, ao medir a eficácia das campanhas antes de colocá-las nas redes, se reduz os riscos.

Menos esforço operacional

As empresas podem montar equipes especializadas para trabalhar com as mídias digitais. Além disso, também é possível fazer contratos para terceirizar o serviço, com:

  • Organizações;
  • Profissionais.

Uma grande parte das operações feitas de modo online são automatizadas. Contudo, também são mais simples para que reduzam ao máximo o trabalho. Então, as divulgações podem tornar-se práticas e simples com essa ajuda e ainda tem menos esforço de todos.

As mídias digitais aumentam o alcance de uma marca?

Na internet, é comum que não se leve em conta várias barreiras geográficas. Por isso, o esforço para fazer a divulgação é o mesmo em qualquer região do país. Além disso, chegar em outras partes do mundo também não é uma tarefa tão grande, apesar de precisar de empenho.

Essas oportunidades podem ser aproveitadas para aumentar o alcance da marca. Dessa forma, é possível achar um público novo e que também tenha interesse no produto ou serviço oferecido. Então, trata-se de uma das melhores maneiras de expandir o negócio e chegar longe. Contudo, as estratégias para essas melhorias precisam ser feitas a longo prazo.

Relacionamento com os clientes

Por causa da internet, as empresas podem se comunicar melhor com o seu público. Por isso, até mesmo na hora de resolver algum problema, essa tarefa ficou mais fácil. Contudo, um exemplo está nas redes sociais em que as firmas têm mantido a conversa com seus consumidores, o que é mais rápido e eficaz para criar uma relação com os clientes.

Muitas marcas podem aproveitar esse lado mais prático e criar boas interações com os compradores. Contudo, é ótimo para firmar uma presença online e mostrar que a empresa está presente no dia a dia das pessoas. Dessa forma, esse relacionamento tende a ser marcante e fazer com que os consumidores lembrem-se de seus produtos ou serviços.

pessoa usando o celular e o laptop ao mesmo tempo
As redes sociais são um dos tipos de mídias digitais mais famosas. Imagem de Prodeep Ahmeed no Pixabay. 

Fidelização de clientes

Com um bom relacionamento criado graças a ajuda das mídias digitais, os clientes tendem a se tornar fiéis. Então, funciona como uma consequência direta dessa boa interação com os consumidores. Além disso, é normal que esses usuários passem a se envolver com a marca, portanto, torna-se mais fácil de fazer com que o seu conteúdo tenha compartilhamentos.

Os clientes fiéis são essenciais para que a empresa tenha um alcance maior. Eles também ajudam na parte da divulgação e ainda podem dar ótimos feedbacks sobre os produtos. 

Modernização do negócio

É importante que o seu conteúdo se mantenha moderno, já que a transformação digital cresce a cada dia e as empresas se adaptam a ela. Então, por fazer parte da vida de várias pessoas, é preciso estar por dentro do que é novo. Dessa forma, as mídias digitais também são um sinal a respeito do que é atual hoje.

As pessoas usam a internet para vários motivos diferentes, seja para pesquisar lugares, fazer compras ou conversar com os amigos. Portanto, as empresas não devem ficar para trás e precisam se encaixar nesse meio para interagir também.

O que é o planejamento de mídias digitais?

São as decisões a respeito das melhores estratégias para fazer as divulgações para os seus clientes. Contudo, o seu foco é dar grande visibilidade para os consumidores dentro das plataformas online. Assim, ao fazer esse planejamento, alguns pontos essenciais acabam por serem definidos:

  • Objetivos;
  • Caminhos para bater as metas.

É preciso usar esses planos para decidir quais serão os locais de comunicação digital com mais utilidade. Mas, também inclui as estratégias com links patrocinados e até mesmo o link building. Assim, sem essas decisões, têm chances de resultar em gastos de tempo e dinheiro. Então, essas etapas precisam ser bem alinhadas para que traga um bom retorno.

Briefing

Funciona como um primeiro passo para as estratégias de mídias digitais. Assim, ele é como um documento que faz o registro de todos os dados essenciais para criar um projeto. Portanto, ele junta informações o suficiente para que consiga entender os objetivos, público, concorrentes e entre outros pontos. Contudo, manter um roteiro para seguir pode servir para trabalhar com o briefing e pode ter perguntas como:

  • Tem um produto em especial que pode ter destaque?
  • Quem é o público-alvo?
  • Como essas pessoas se comportam online?
  • A campanha será em qual período?

São apenas algumas questões para servir como base na hora de se planejar. Dessa forma, as equipes especializadas podem descobrir quais serão os obstáculos para enfrentar, por exemplo. Então, fazer um bom benchmarking para entender o cenário pode ser bem útil, além disso, dá até para descobrir quais serão as forças e as fraquezas dos concorrentes.

As mídias digitais são importantes para efetivar estratégias?

Juntar todas as informações necessárias com o briefing, pode tornar as estratégias mais efetivas. Então, elas entram em sintonia com a verba que está disponível para usar com as mídias digitais. Contudo, são vários planos que podem ser feitos para esse momento.

Tudo depende do que se espera alcançar com esse planejamento, contudo, eles são essenciais para que consiga alcançar resultados que tragam retorno.

Conteúdo de valor nas mídias digitais?

Uma boa estratégia que envolva o marketing digital precisa de um conteúdo para mostrar aos outros. Assim, é ele que torna mais fácil chamar a atenção do público para a empresa. Por exemplo, dá para incluir maneiras de resolver problemas, bem como, criar uma boa relação com os consumidores. Além disso, é ótimo para fazer a apresentação de serviços ou produtos para as pessoas.

De acordo com cada canal de comunicação que for escolhido, ele terá suas especificações, então, elas precisam ser levadas em conta. No entanto, é preciso pensar a respeito dos aspectos das personas, palavras-chave mais utilizadas e até mesmo no funil de vendas. Dessa forma, dá para criar um cronograma em que dá para se comunicar com os clientes.

A linguagem para fazer as abordagens com os consumidores também precisa ser considerada. Portanto, o foco é descobrir os meios de conquistá-los com o uso da persona.

Canal de divulgação

Quando as personas já estão feitas, é preciso identificar quais serão os canais de divulgação que terão mais utilidade, por exemplo:

Uma assessoria de imprensa para atingir os grandes portais digitais também é uma opção válida. Além disso, o lado positivo de existir tantos canais é que dá para usar mais de um, caso tenha uma boa verba. Contudo, é preciso pensar quais são os locais em que estarão os consumidores da marca, depois, também deve-se lembrar a respeito das maiores chances de gerar conversão.

homem sentado, trabalhando em seu tablet
As mídias digitais podem ser usadas com bons planejamentos das estratégias. Imagem: de kaboompics no Freepik.

Cronograma das mídias digitais

Há muitas estratégias que podem ser aplicadas ao mesmo tempo, por isso uma equipe para gerenciar o planejamento dentro das mídias digitais é essencial. Assim, cada ação será feita da melhor maneira e com o tempo de execução adequado para ela.

É preciso criar um bom meio para distribuir o material e saber qual a frequência ideal para adotar. Dessa forma, não gera um exagero de publicações, mas também consegue atingir o público. Portanto, é essencial que haja um equilíbrio para que os resultados sejam bons. Contudo, todo o cronograma precisa de análise para que consiga atingir os seus objetivos.

Monitoramento do negócio

Um dos ótimos pontos dentro das estratégias online é conseguir mensurar os resultados. Assim, é necessário saber quais métricas estão em uso para que tenha monitoração das ações. Ou seja, cada canal precisa ser supervisionado e ainda precisa ver qual é o desempenho por dentro do funil.

Quando a meta é ter aumento na quantidade de visitantes de uma página, é preciso supervisionar o pageview, por exemplo. No entanto, outros objetivos podem gerar a necessidade de usar outros tipos de métricas. Dá para analisar o número de leads, CAC, visitas e entre outros pontos, conforme o desejado. Por fim, é possível usar o ROI para ter certeza que todas as ações têm chances de trazer benefícios.

Apresentação da marca para o cliente

Fazer um documento oficial para falar sobre todas as etapas da estratégia pode ser ótimo. Assim, é uma maneira de levar a empresa a lidar melhor com esses planos. Dessa forma, a equipe na firma consegue saber onde e como a verba terá uso, por exemplo.

Como executar o planejamento de mídias digitais?

Deve-se ter total atenção às estratégias que foram feitas para ver se vão funcionar. Além disso, dá para criar relatórios especiais para que consiga ver quais resultados deram retorno. Assim, é melhor para pôr em prática e descobrir quais atitudes a empresa deve mudar ou não com o seu conteúdo na internet. 

Use as mídias digitais em favor do seu negócio

Qualquer empresa que tenha a intenção de ficar presente na mente dos consumidores, precisa das mídias digitais. Além disso, tem o efeito de trazer mais vendas para a marca, então, saber quais são as diferenças entre cada uma já é o suficiente para:

  • Ter mais credibilidade;
  • Aumentar a visibilidade;
  • Gerar autoridade.

Todos os tipos de mídias têm os seus próprios benefícios, mas, elas precisam de boas estratégias para ter sucesso. Assim, para saber quais serão as melhores para trazer resultados, deve-se analisar o ROI e reduzir a perda de dinheiro.

Seja o primeiro a ser notificado, sempre que um novo artigo ser publicado

Deixe uma resposta

Usamos cookies para melhorar sua experiência neste site. Ao continuar no site, você concorda com essas condições. Sim Mais detalhes