Tudo sobre Marketing e Empreendedorismo

Google Search Console, descubra como usar a ferramenta de forma estratégica

O Google Search Console pode te ajudar a gerenciar seu domínio e te ajudar a traçar novas estratégias para seu negócio. A aplicação mostra o que tem de errado em determinada página e como estes usuários se comportam no seu site. 

Veja neste artigo o que é esta plataforma e quais são os benefícios que esta traz para a sua marca a curto, médio e longo prazo. Então, leia todos os detalhes para saber porque você deve começar a usar esta ferramenta como uma aliada nas métricas de marketing digital.

O que é Google Search Console?

Este termo se refere à uma ferramenta desta enorme empresa conhecida em todo o mundo. Logo, esta pode te guiar no passo a passo para a otimização da página web, além das seguintes vantagens:

  • Permite acompanhar dados de acesso;
  • Garante uma indexação correta.

A ferramenta Google Search Console faz com que o seu domínio seja visto de forma fácil pelos usuários. Isso porque, ela mostra possíveis problemas para que você possa corrigir o que há de errado no seu site.

Ela ainda emite relatórios precisos e possui funções que te ajudam a gerenciar sua página na web. Além disso, é um bom aliado na estratégia de SEO da sua marca, te dá dicas e formas de destacar seu domínio nas SERPs.

Como funciona o Google Search Console?

Esta aplicação vai funcionar como um conjunto de ferramentas que te dão indicadores de onde dedicar atenção na sua página. Com isso, o Google Console pode te ajudar a resolver:

  • Problemas de carregamento;
  • Erros no código HTML da página;
  • Links quebrados ou suspeitos.

A ferramenta do Google ainda identifica quem é o público que busca os seus conteúdos na web. Da mesma forma, traduz de onde estas pessoas vêm e quais os demais interesses das mesmas.

É possível ainda analisar a forma com que estes visitantes atuam na internet e o tempo que eles levam no seu site. Então, pode te ajudar ainda a direcionar os usuários para uma próxima etapa em um funil de vendas.

O mesmo ainda oferece um recurso que te permite melhorar o rankeamento de suas páginas. Assim, pode nortear o seu plano de SEO para agilizar o ganho de posições da mesma nos resultados do buscador.

Passo a passo para instalação e configuração da plataforma

Instalar esta ferramenta é muito fácil e leva apenas alguns minutos do seu tempo. No entanto, para evitar possíveis dúvidas, confira o passa a passo detalhado para iniciar o processo na sua máquina:

  1. Logue com sua conta Google (gmail);
  2. Abra a ferramenta e clique em Adicionar;
  3. Insira o domínio;
  4. Escolha os dados da URL no Google Search Console.

Ao realizar estas etapas, vá em Tag HTML e faça a verificação dos dados informados. Em seguida, sua propriedade está pronta para uso e você pode iniciar a análise das métricas das suas páginas.

homem de terno sentado, trabalhando em seu laptop. Na imagem também há uma ilustração de uma barra de pesquisa
O Google Search Console te permite analisar todos os pontos da sua página para melhor otimização de conteúdo. Imagem de freepik no Freepik

Quais os princípios básicos do Google Search Console?

O Search Console foca em gerenciar os dados de determinado local na web. Portanto, reúne uma série de funções que permite que o administrador do domínio tenha acesso a erros na indexação das páginas.

É possível ainda saber se o seu domínio passou por alguma clonagem ou se foi hackeado. Desse modo, a ferramenta emite um alerta caso contenha algum arquivo malicioso no interior do site.

A plataforma ainda vai te guiar a respeito do uso de TAGs de referência ao longo do seu conteúdo. De maneira idêntica, analisa o tráfego e te passa insights para que possa melhorar a captura de leitores.

Frequência e clareza

Para ter melhores resultados com a aplicação é preciso manter uma constância na postagem de material. Dessa forma, é mais fácil saber se a sua estratégia está de acordo com o que você planejou.

Seguir um padrão de posts também é ideal para ter insights mais claros de como seu domínio é visto pelo público. Contudo, use ao seu favor esta aplicação e gaste energia em outras áreas que requerem a sua atenção.

Agilidade nas ações

Uma das maiores vantagens da ferramenta é que te permite obter respostas de forma rápida sobre seu negócio. Em outras palavras, você pode, em apenas alguns minutos, ter um resultado sobre determinado ponto da sua estratégia em mãos.

O Google Search Console também é um dos seus maiores aliados na hora de fazer um teste A/B em uma landing page, por exemplo. Isso porque, o mesmo mede as reações que cada item foi capaz de gerar para saber qual irá surtir mais efeito.

Desapego à ferramentas atuais

Vale destacar que, como toda aplicação do Google ou de outras empresas, esta pode não estar disponível em um curto período de tempo. Então, busque sempre novas formas de analisar suas métricas.

A própria ferramenta destacada neste artigo já passou por upgrades que acabaram por tirar algumas funções do seu novo layout. Porém, a empresa ainda oferece a sua versão antiga com estas funcionalidades, o Webmaster Tools.

Principais ferramentas do Google Search Console

O Google Search Console possui diversas ferramentas que te guiam em como criar a estrutura de uma página. Entretanto, estes dados podem se dividir entre as funções atuais e os legados, como você pode ver abaixo com mais detalhes.

Atuais

Nas páginas tidas como atuais, é possível acessar um campo de visão geral, que exibe um resumo do site de forma mais ampla. Do mesmo modo, é possível ainda extrair relatórios de desempenho, cobertura, sitemaps e de frequência de uso em dispositivos móveis.

De modo idêntico, acesse os insights a respeito do carregamento de seu domínio de forma automática em dispositivos como tablets e celulares. Bem como, todos os cliques que o usuário der no interior de seu domínio são anotados no Google Search Console.

Toda esta gama de relatórios permite que o administrador veja o site em geral ou abas específicas. Mas, ainda é possível passar os dados de um endereço para outro, caso precise.

Legados

Os dados tidos como Legados são alvos de pesquisa constante por parte do Google. Com isso, a mesma analisa formas de substituir ou atualizar essas funções para a nova versão da ferramenta.

Já os recursos deste campo permitem remover uma página ou URL por tempo determinado se desejar. Por outro lado, ainda mostra a frequência com que o robô do Google vasculha sua página.

O Google Search Console é o responsável ainda pela análise do arquivo robots.txt da sua página. Similarmente, ainda te deixa segmentar os resultados por localização para uma troca automática de idiomas, por exemplo.

Nessas funções, ainda é possível integrar a ferramenta com o Google Analytics, para resultados mais completos, se for o caso. No entanto, os recursos do Search Console não param por aí e já existem mais dados Atuais e Legados na aplicação.

mulher sentada trabalhando em seu computador. Ao lado dela também há um copo de café e vários livros
O Google Search Console gera relatórios com precisão sobre possíveis erros nas URLs de seu domínio. Imagem de marymarkevich no Freepik

Quais as principais métricas do Google Search Console?

O Console conta com pelo menos quatro métricas principais. Então, para resultados mais fiéis considere analisar pelo menos uma vez ao mês cada um desses dados principais.

É importante não abrir mão da avaliação com esta ferramenta, pois ela examina seus resultados e posicionamento orgânico. Agora, veja quais são e como funcionam estes critérios.

Impressões

Na métrica de impressões, o Google Search Console irá mostrar quantas vezes cada conteúdo do seu site apareceu nas SERPs. Por sua vez, estas são as páginas de resultados nos motores de busca.

Com esta função, você pode ver se o mecanismo leva em conta seu material como relevante para a pesquisa dos usuários. Desse modo, pode nortear a sua estratégia digital para novas formas de atender esta demanda.

Cliques

Aqui, como o nome já diz, será analisada a quantidade de cliques em cada página do seu domínio. Logo, o relatório exibe quantas vezes seu site foi escolhido entre os demais na SERP.

Esta métrica serve para analisar se o seu título é eficiente na busca por novos acessos. Além disso, ainda é possível trocar a Meta Descrição para algo que chame mais atenção dos leitores a partir dos dados do Google Search Console.

CTR

O CTR é a sigla em inglês para Taxa de Cliques, que reflete os dados das métricas de Cliques e Impressões. Com isso, você pode ver quantos cliques recebeu e subtrair pelo número de vezes que seu site aparece.

Este dado é exibido por meio de uma porcentagem bem simples de entender. Portanto, se a sua página foi exibida 100 vezes e recebeu 20 cliques, o seu CTR será de 20%.

Posição

Este dado oferece um número aproximado para as páginas de seu domínio e mede a posição média em que você aparece. Por exemplo, se o seu site aparece na quinta posição e outra na 15ª, o seu ranqueamento médio será 10 (5+15 /2+10).

Como melhorar o SEO técnico com o Google Search Console?

Você pode ainda melhorar o SEO técnico do seu domínio com a ajuda da ferramenta. Então, é uma boa função para pessoas que começaram agora a publicar conteúdos, mas também é muito útil para usuários já experientes.

A empresa recomenda a leitura minuciosa dos termos e diretrizes da ferramenta para entender como esta funciona. No material, é possível ainda encontrar dicas de como traçar uma boa estratégia, além de:

  • Ensinar o básico;
  • Analisar as métricas e extrair relatórios.

O Google Search Console, por incrível que pareça, foca em funções básicas, mas que podem passar despercebidas na sua estratégia. Nesse sentido, leia todos os dados, siga o padrão, bem como, a quantidade de links e tags que cada URL deve apresentar.

Algumas práticas avançadas com o Google Search Console

Para cada URL do seu site, analise o CTR médio da mesma, para ter certeza de qual material agrada mais. Aliás, a dica serve para traçar novas formas de chegar ao seu público e entender qual gatilho ou técnica surte mais efeito com a sua audiência.

De modo geral, é possível ainda criar uma estrutura ideal para seu site a partir de alguns pontos do Google Search Console. Por isso, entre as táticas avançadas está a de aprimorar as pesquisas, que deve conter:

  • Imagens e vídeos;
  • Dados de avaliação de usuários.

Esta segunda opção é fácil de incluir na sua página como forma de obter mais interações. Então, pesquise como incluir para ter os melhores resultados e veja a seguir mais práticas avançadas com o Console.

Inclua ainda um painel com dados e informações da sua marca que podem ser relevantes para sua URL. Além disso, invista em conteúdos de valor para que estes sejam exibidos ao seu público-alvo.

Quais as principais mudanças do novo Google Search Console?

Algumas mudanças foram feitas com a atualização para o novo Google Search Console. Entre elas, a interface foi a que sofreu mais impacto, mas você pode ver mais novidades a seguir:

  • Agora abre em todos os dispositivos;
  • Dados exibidos dos últimos 16 meses;
  • Mais detalhes nas informações.

De forma idêntica, a ferramenta agora exibe até quais dados o robô não conseguiu analisar na sua página. Por isso, fique sempre atento a novas possíveis alterações nesta e nas demais aplicações do buscador.

Como conectar o Google Search Console ao Google Analytics? 

Antes de tudo, ative o compartilhamento de informações na sua conta do Google Search Console. Depois, faça login no Google Analytics, vá nas propriedades para escolher qual dado deve ser dividido entre as ferramentas e faça o passo a passo a seguir:

  • Vá em propriedade;
  • Escolha a opção Configurações de propriedade;
  • Role até as configurações do GSC.

Depois disso, selecione quais relatórios e insights devem ser conectados com o Analytics. Por fim, salve o processo para que não corra riscos de voltar e sair da página em questão sem armazenar as mudanças.

De que forma o Google Search Console ajuda a alavancar o seu negócio?

O Google Search Console te ajuda a traçar uma estratégia de marketing digital mais precisa para ganhar posições no buscador. Além disso, veja a seguir mais pontos positivos do uso da ferramenta para a sua marca:

  • Melhora a experiência do usuário;
  • Te orienta em como aprimorar a sua otimização.

A aplicação ainda pode ser útil para novos negócios, para que seu plano de marketing não tenha gastos e esforços em vão. Portanto, não perca tempo e comece a usar esta plataforma para maximizar os resultados da sua empresa.

Seja o primeiro a ser notificado, sempre que um novo artigo ser publicado

Deixe uma resposta

Usamos cookies para melhorar sua experiência neste site. Ao continuar no site, você concorda com essas condições. Sim Mais detalhes