Tudo sobre Marketing e Empreendedorismo

O e-mail personalizado é a estratégia ideal para se conectar com o seu cliente?

O e-mail personalizado é uma tática que as empresas vêm adotando com o propósito de estreitar a relação com os seus clientes que buscam conteúdos exclusivos.

Com o e-mail personalizado, a sua empresa pode se conectar aos seus clientes de um modo único. Então, se você deseja aumentar a sua taxa de abertura de mensagens e conversões, descubra como aplicar essa ferramenta de marketing digital em seu negócio.

O que é um e-mail personalizado?

Um e-mail personalizado é quando a empresa usa os dados dos clientes para enviar conteúdo exclusivo e relevante para eles em forma de texto. Em geral, essas informações dos assinantes da lista de e-mail marketing são:

  • nome do consumidor;
  • localidade;
  • produtos adquiridos.

Dentro dessa estratégia é comum incluir o nome do cliente no espaço de assunto ou ainda, no corpo do texto. Esse tipo de tática de mensagem personalizada torna a comunicação entre empresa e público mais exclusiva e com isso, pode gerar mais:

  • cliques;
  • conversões;
  • aumento da taxa de abertura de e-mails;
  • engajamento.

Por que personalizar o e-mail?

Essa estratégia oferece às marcas a chance de criar uma relação única com o cliente por meio de conteúdos relevantes, segundo o perfil de consumo deles. Isso, por sua vez, torna mais fácil o processo de vendas, fortalece a imagem do seu negócio e ajuda na fidelização.

Mais do que converter consumidores, bem como, divulgar os seus produtos ou serviços, um e-mail personalizado ainda gera um Retorno sobre Investimento (ROI) mais alto se comparado a outros recursos do marketing digital.

Isso quer dizer que é possível criar campanhas eficazes e com bons resultados para a sua empresa e ainda, com uma aplicação financeira menor. 

Um e-mail personalizado pode fortalecer a sua marca perante o público?

O e-mail personalizado é uma ótima opção para tornar a sua marca mais forte junto ao público da sua empresa. Além disso, contribui para o processo de vendas, já que o cliente gosta de se sentir especial e valorizado pela marca.

Quando usar a personalização de e-mail?

Suponha que você tenha uma loja de calçados esportivos. Dessa forma, pode personalizar um e-mail com opções de tênis que se enquadram no perfil do seu consumidor. Aliás, ainda pode mandar conteúdos adicionais sobre:

  • dicas de limpeza para o calçado;
  • tipos de esportes em que os tênis terão melhor desempenho.

Outra alternativa que será um diferencial e sem dúvida, vai chamar a atenção do cliente é oferecer descontos, brindes pela primeira compra ou enviar promoções e novidades da sua loja.

Para isso, no entanto, é preciso que a empresa conte com um banco de informações com dados pessoais sobre os clientes que receberão os conteúdos. Essa personalização vai gerar uma sensação de exclusividade e não de um material padrão.

Homem sentado diante de mesa branca usando e-mail em seu computador de mesa também branco
Um e-mail personalizado pode incluir ofertas de produtos, descontos ou conteúdos relevantes. Imagem de rawpixel.com no Freepik

Quais são as principais ferramentas para criar e-mail personalizado?

Ferramentas como RD Station, MailChimp e Mad Mimi ajudam na criação de um e-mail personalizado. Com isso, a sua empresa pode enviar as melhores newsletters, fomentar clientes e fazer promoções dos seus produtos ou serviços.

A partir desses recursos é possível aplicar essa tática com o grau de personalização ideal e de uma maneira bem eficiente. Assim, no geral, eles contam com as seguintes funcionalidades:

  • segmenta campanhas;
  • otimiza conteúdos relevantes;
  • acompanha e qualifica leads;
  • monta listas de contato personalizadas;
  • sugere assuntos para as mensagens;
  • cria landing pages;
  • mensura os resultados das ações.

Todas essas funções contribuem para uma tática mais sólida e com altos rendimentos. Além disso, ao fornecer um resultado sobre o seu envio de e-mails, é possível ter uma visão mais clara sobre a performance da sua estratégia, já que essas ferramentas de automação:

  • analisam se as mensagens dos e-mails estão sendo lidas;
  • se os conteúdos estão tendo uma boa aceitação.

Com isso, o seu time de marketing pode adaptar a sua criação de conteúdo para ter os melhores desempenhos. Conheça, então, algumas opções eficazes disponíveis no mercado.

Mad Mimi

Para criar um e-mail personalizado, considere a Mad Mimi que é gratuita se você tiver até 100 contatos. Portanto, além de todos os recursos que as ferramentas de automação de marketing possuem, essa ainda:

  • cria templates;
  • integra-se ao Pinterest e ao Analytics.

RD Station

A RD Station é uma das ferramentas de automação mais populares do Brasil e não pode faltar na rotina da empresa que busca alcançar o seu público-alvo com eficiência.

Dentre os principais recursos da plataforma, tem-se a criação de e-mails e o seu disparo automático, além de relatórios completos, bem como, oferta de templates.

MailChimp

O MailChimp é uma ferramenta completa e sem custos para quem deseja aplicar a estratégia de e-mail personalizado. Com ela é possível criar uma lista de contato personalizada, campanhas segmentadas e ainda acompanhar os resultados.

Conheça outras funcionalidades

Apesar de ser uma ferramenta gratuita, há alguns planos pagos disponíveis, a fim de investir em uma estratégia mais completa de e-mail marketing:

  • testes A/B;
  • criação de landing pages;
  • mais de 100 templates para LP e e-mails;
  • formulários de cadastro;
  • disparo de e-mails automáticos;
  • dicas para otimizar as suas campanhas.

Como criar um e-mail personalizado?

Para elaborar um e-mail personalizado é preciso criar um conteúdo que seja relevante, segmentar as campanhas e usar a linguagem certa. Então, a partir de agora entenda como estruturar e personalizar as suas mensagens para os seus clientes.

Notebook cinza sobre mesa de madeira e ao lado de prancheta e bloco de anotação, além de mouse e porta caneta, com montagem sobre a foto com símbolos de e-mail ou carta
Criar e-mail personalizado requer um equilíbrio entre o excesso e a falta de envio de conteúdos. Imagem de creativeart no Freepik

Envie conteúdos relevantes

Crie e-mails elaborados, dê uma atenção especial ao seu layout e na produção do seu material. Tudo isso é essencial para conquistar os clientes e atrair o interesse deles, a fim de realizar mais vendas no futuro.

Como criar bons conteúdos? 

Antes de tudo, o primeiro passo inclui redigir um título chamativo. Em seguida, distribua o seu conteúdo no e-mail personalizado que seja interessante para o comprador em potencial.

Para acertar no material, verifique o seu banco de dados e analise o perfil de consumo do cliente para direcionar conteúdos pelos quais ele se interessa. Enfim, apostar em algo de qualidade é essencial para essa e qualquer outro tipo de estratégia de marketing.

Use a linguagem certa em seu e-mail personalizado

Para criar uma relação mais forte e sólida com o seu cliente é crucial saber como interagir com ele. Por isso, o tipo de linguagem que vai usar em suas mensagens é muito importante e merece a sua atenção. 

Isso aliado a um material de qualidade e de interesse do consumidor, de fato, contribuem muito para o sucesso da sua estratégia de marketing.

Personalize a sua linguagem 

Acima de tudo, não seja formal. Afinal, um atendimento personalizado inclui uma comunicação mais direta, de fácil entendimento e que faça o cliente se sentir próximo da marca. É vital transmitir em sua mensagem a sensação de que a empresa se importa.

Faça a segmentação de suas campanhas

Segmentar as suas campanhas é um passo essencial para o e-mail personalizado e também para trabalhar com os seus clientes de acordo com o perfil de cada um. Isso ajuda tanto a:

  • fidelizar os consumidores;
  • converter vendas.

Enviar mensagens para pessoas com perfis de consumo parecidos facilita o momento de criar conteúdo e usar a linguagem mais adequada. Além disso, direciona as suas promoções e diversos outros materiais para quem tem real interesse em sua marca.

A segmentação faz com que a sua equipe de marketing e vendas não desperdice tempo e recursos com quem não tem vontade em receber aquilo que você está mandando. Então, para ter uma audiência cativa, saiba enviar o conteúdo certo para o público-alvo ideal.

Controle o envio de e-mail personalizado

Mensagens em excesso podem desagradar a sua lista de contatos, no entanto, também é ruim para a sua estratégia não ter uma certa frequência de envio. Ou seja, é preciso ter um equilíbrio e uma rotina de disparo de e-mails.

Conquistar um cliente não é algo simples e demanda tempo, além de esforço. Mas, focar em mandar conteúdos de forma regular pode ajudar muito nesse processo. Por isso, a sua equipe pode investir em enviar materiais de modo:

  • semanal;
  • ou a cada 15 dias.

Ambas as quantidades não pecam pelo envio excessivo de e-mail personalizado, mas também não falham na comunicação por tempo o bastante para o consumidor em potencial se esquecer da sua marca.

Pessoa usando notebook em cima de mesa de madeira e ao lado de papéis e fones de ouvido sem fio em sua caixinha
O e-mail personalizado pode aumentar a taxa de abertura, uma das métricas mais importantes de e-mail marketing. Imagem de freepik no Freepik.

Interaja com o seu cliente da melhor forma possível

Um e-mail personalizado aumenta as chances do comprador em potencial abrir as suas mensagens, o que ajuda na sua taxa de abertura e como resultado, no sucesso das suas campanhas de e-mail marketing.

Para isso, entretanto, invista em uma boa comunicação, saiba se relacionar com o cliente. Faça-o perceber que aquele conteúdo é exclusivo para ele e o quão importante ele é para a sua empresa. Por exemplo, envie mensagens de:

  • ofertas de acordo com o perfil de compras do consumidor;
  • descontos;
  • adicione botões para que o usuário possa tirar dúvidas.

Vale a pena investir em e-mail personalizado para conquistar clientes?

O e-mail personalizado contribui para a conquista do cliente que se sentirá especial com esse contato exclusivo. A fim de facilitar esse processo que, aliás, demanda tempo, invista em conteúdos de qualidade e de interesse do consumidor.

Essa é uma estratégia que requer análises profundas dos resultados, a partir da métrica de taxa de abertura, além de avaliação constante dos próprios erros e acertos na aplicação da tática. 

Caso seja bem-sucedida, as vantagens a longo prazo fazem valer a pena, afinal, pode haver uma maior conquista e fidelização de clientes. Bem como, economia de tempo e esforço da sua equipe de vendas.

Leia mais: artigos e notícias relacionados

Usamos cookies para melhorar sua experiência neste site. Ao continuar no site, você concorda com essas condições. Sim Mais detalhes