Tudo sobre Marketing e Empreendedorismo

Estrutura de URLs: confira 15 dias para fazer títulos otimizados e eficazes

A estrutura de URLs é vital para o bom ranqueamento de páginas e exibição de sites nos resultados de pesquisa. Por isso, é um elemento que merece atenção e elaboração mais do que cuidadosa no marketing digital. Dessa forma, veja dicas de como criar uma bem eficaz.

O que é estrutura de URLs?

É o endereço da página que é exibido na barra de navegação, ou seja, a identificação de locais específicos na web. Em geral, as URLs são divididas em três partes essenciais, que são chamadas de:

O primeiro determina a forma de comunicação que será estabelecida entre a página e o servidor, que pode ser http: // e https: //. O segundo indica o site de origem da página, a raiz na qual ela está ramificada. Enquanto isso, o terceiro mostra a rota para chegar ao destino.

Importância para o SEO do seu site

A estrutura de URLs é feita de modo estratégico, seguindo técnicas de otimização que melhoram a qualificação do endereço no momento das buscas. Assim, uma boa elaboração desse elemento é vital para conectar páginas e internautas.

Dicas práticas para a estrutura de URLs

Para além da teoria, é preciso exercitar algumas táticas, a fim de promover resultados eficazes. Afinal, URLs bem-feitas e amigáveis trazem inúmeras vantagens para websites, por exemplo:

  • Usuários chegam ao endereço com mais facilidade;
  • Baixa taxa de rejeição, já que direciona pessoas de forma assertiva para o que desejam;
  • Gera bons índices de acessos orgânicos.

Desenvolver bons títulos SEO que funcionarão como atalhos em todo o meio digital é um modo de garantir que conteúdos de qualidade cheguem até aqueles que os buscam. Assim, confira 15 dicas para tornar essa tarefa rápida, fácil e efetiva.

1- Use apenas um domínio e um subdomínio

Descentralizar páginas e conteúdo em vários locais não é eficiente, porque divide a audiência e o tráfego. Dessa forma, uma boa estrutura de URLs unifica todos os links em um só espaço. Além disso, isso traz mais relevância para o site.

2- Faça uma URL que seja fácil de interpretar

Optar por um título SEO simples e direto melhora a acessibilidade e auxilia em um bom ranqueamento. Assim, quanto mais específica for a estrutura, maior a chance de gerar tráfego, confira exemplos:

  • Indicado: http://dominio.com/lanche-vegan-sem-gluten;
  • Não indicado: http://meudominio.com/68ntWl3UT3EXv3kGaIkfRb3Q9E.

Quanto mais inteligível for o endereço, mais recomendado ele será para os usuários. Dessa forma, a clareza é sempre uma meta. Mesmo que não seja possível como no exemplo acima, ela precisa ser a prioridade dentro do praticável.

3- Use palavras-chave na URL

Ser direto ao ponto é um ótimo modo de atrair visitantes interessados e ter mais relevância nos mecanismos de busca. Por isso, na estrutura de URLs, usar termos específicos, como http://dominio.com/bolo-sem-ovo, amplia as chances de um bom ranqueamento.

4 – Não use a mesma URL para mais de um conteúdo

É uma prática muito prejudicial que deve ser combatida. Afinal, além de nada eficiente a nível de audiência, também confunde os usuários. Dessa forma, caso já esteja ocorrendo no site, a melhor solução é organizar conteúdos e investir em meios de redirecionamento.

5- Exclua os parâmetros dinâmicos

Manter links estáticos é a melhor solução para um ranqueamento eficaz que imprima relevância e assertividade. Por isso, embora nem sempre seja possível, em razão da política de anúncios, é algo que deve ser sempre considerado e priorizado.

6- Avalie o tamanho da URLs

Reduzir tudo que for possível e ir direto ao assunto é a principal regra para conseguir um bom resultado em pesquisas. Dessa forma, opte por endereços que sejam inferiores a 100 caracteres, pelas seguintes razões:

A regra do “menos é mais” é o que resume essa dica para tornar a estrutura de URLs eficiente. Assim, o foco aqui é trabalhar com objetividade, relevância e eficiência. Aliás, uma estratégia interessante é dar maior destaque às palavras-chave.

7- Combine URLs com títulos

Ao criar uma conexão entre esses dois elementos é possível ampliar a legibilidade dentro dos navegadores e aparecer entre os principais resultados. Dessa forma, é mostrar que o conteúdo da página é relevante para aqueles que o buscam.

notebook com página do Google aberta
Mecanismos de busca, como o Google, valorizam URLs bem elaboradas e estruturadas. Imagem de Juan Francia de Pixabay.

8- Artigos, verbos de ligação e outros elementos são dispensáveis

Para seguir a boa prática de URLs diretas e objetivas, o ideal é eliminar conectivos e focar nos termos-chave. Dessa forma, uma página cujo título é “Como fazer um bolo vegano”, o endereço pode ser resumido para “http://dominio.com/bolo-vegano”.

9- Cuidado com letras maiúsculas e minúsculas

Por questões mais técnicas e abstratas, alguns servidores, como Linux/Unix, encontram dificuldade em exibir resultados de títulos SEO que têm letras em caixas diferentes. Por isso, é vital focar em construir uma estrutura de URLs que seja toda escrita em minúsculo.

10- Não use caracteres problemáticos

Evitar símbolos complexos e com difícil decodificação é um passo importante para a estrutura. Afinal, geram links melhor posicionados nas buscas. Dessa forma, para criar endereços mais amigáveis, não use caracteres como:

  • : / ? # [ ] @ ! $ & ‘ ( ) * + , ; = (sem espaço);
  • < > % { } | \ ^ (com espaço).

São símbolos que, além de atrapalharem o ranqueamento nos resultados de pesquisa, criam URLs com falhas de segurança. Por isso, a melhor forma de elaborar o endereço de uma página é sintetizar a palavra-chave de modo específico.

11- Limite o redirecionamento

Não é incomum que um endereço redirecione o usuário para outras páginas. No entanto, é importante que exista um limite para esse desvio de tráfego. Afinal, isso não só prejudica o ranqueamento, como também torna o acesso ao conteúdo mais lento e burocrático.

12- Use hífen ou sublinhado para separar as palavras

Usar esses recursos é um ótimo método de tornar a estrutura de URLs mais objetiva, direta e que tem como base as palavras-chave. O hífen e o sublinhado são facilmente lidos pelos navegadores e são uma ótima forma de organizar um endereço.

Um ponto que precisa ser tocado é a questão do uso dos espaços para a separação de termos, uma prática que não é recomendada e prejudica e muito, boas visualizações em resultados de pesquisa. Assim, tenha uma estratégia para criar URLs.

13- Não use muita separação em pastas

A vontade de criar repartições pode ser tentadora, mas é importante entender que um site não é uma loja de departamentos. Dessa forma, é vital evitar o excesso de pastas e subpastas, veja abaixo:

  • Boa prática: https:// dominio.com/bolos/veganos;
  • Má prática: https:// dominio.com/sobremesa/sem-leite/sem-ovo/bolos/veganos.

Setorizações não são, necessariamente, prejudiciais para o desempenho do site, mas são elementos acessórios que não agregam e causam confusão no momento das pesquisas. Por isso, tenha como foco sempre uma estrutura de URLs assertiva.

14- Repetir a palavra-chave na URL pode trazer problemas

Quem entende o que é SEO sabe que o uso excessivo de termos principais pode ser considerado um black hat (chapéu preto), ou seja, uma prática nociva que tem como objetivo burlar mecanismos de busca.

Apesar do uso dessa prática ter trazido resultados no passado, atualmente é fortemente fiscalizada por navegadores, que punem esse comportamento removendo a indexação da página. Por isso, evite repetições e problemas futuros.

15- Motores de busca e a URL

Navegadores como o Google e o Bing, usam uma série de protocolos e realizam várias análises antes de considerar uma página relevante para os usuários. Por isso, a estrutura de URLs é o primeiro elemento a ser observado.

Estruturar bem o endereço tendo como base as dicas acima aumenta, seguramente, a chance de conseguir um bom ranqueamento. Afinal, a URL é o cartão de visita que a página oferece aos motores de busca e aos internautas.

Vale a pena usar esta ferramenta na sua estratégia de marketing digital?

Quando se fala em presença no mundo online, não há dúvida que bons resultados podem estar escondidos nos detalhes. Dessa forma, trabalhar com sabedoria e eficiência a estrutura traz muitos benefícios em um plano de marketing, por exemplo:

  • Atrair um público mais interessado;
  • Ganha relevância na web;
  • Fica entre os principais resultados das palavras-chaves pesquisadas;
  • É visto como autoridade pelos navegadores.

Elaborar bons títulos para endereços de páginas na web é parte vital para colocar conteúdos no mapa da internet e conectar pessoas aos assuntos que mais despertam o interesse delas. Assim, é um modo de formar elos entre sites e usuários.

pessoa com caneta apontando para o desenho de uma barra de busca
A estrutura de URLs é parte vital da estratégia para conseguir um bom ranqueamento online. Imagem de Freepik.

Experiência dos internautas

Buscar por materiais e conteúdos digitais deve ser, acima de tudo, sinônimo de facilidade. Por isso, uma estrutura simples e focada promove agilidade de acesso. Afinal, além de trazer mais rapidez aos processos, endereços objetivos são mais fáceis de lembrar.

Caso o usuário precise percorrer caminhos mais longos ou enfrentar muitas etapas, é possível que ele desista. Assim, muitos conteúdos incríveis nunca serão consumidos por terem sérios problemas de estrutura de URLs.

Mapa da mina

Páginas indexadas com endereços inteligentes são uma forma de mostrar aos internautas uma prévia do que ele encontrará no site. Dessa forma, é uma chance de conversão de acessos que não deve ser desperdiçada. Assim, foque na simplicidade, foco e estratégia.

Seja o primeiro a ser notificado, sempre que um novo artigo ser publicado

Deixe uma resposta

Usamos cookies para melhorar sua experiência neste site. Ao continuar no site, você concorda com essas condições. Sim Mais detalhes