Tudo sobre Marketing e Empreendedorismo

SEO writing: veja dicas para otimizar o seu conteúdo na web

O SEO writing busca melhorar o posicionamento de um site, blog ou landing pages no Google e outros buscadores através do uso de técnicas para a criação de textos. 

O SEO writing é fundamental, pois ajuda a gerar mais tráfego orgânico e autoridade digital para páginas com ótima escrita e conteúdo impecável. Por isso, muitas empresas usam essa técnica para fazer o negócio crescer sem ter um custo alto para tal. 

O que é SEO writing?

O termo SEO writing é a forma de escrita que visa ranquear bem os conteúdos, principalmente, na primeira página nos sites de busca. Só que para isso ocorrer, o redator tem que aplicar algumas técnicas de escrever que irão jogar a favor do texto. 

O Google, Bing ou Yahoo! precisam ver que os seus conteúdos são relevantes. Ou seja, o seu objetivo é levar a verdade ao leitor com uma escrita que crie uma experiência positiva ao usuário. Dessa forma, você pode gerar tráfego com qualidade e ser referência no setor.

Como fazer o SEO writing com qualidade?

Tudo o que o SEO writing precisa é engajar o leitor, porém, você deve ter cuidado com o excesso de palavras-chave. Além disso, o texto deve ser bem escrito, com títulos atraentes e bem organizados com subtítulos e tags que façam sentido com o tema.

Uso correto de palavras-chave

A palavra-chave deve estar em toda produção, porque ela será a responsável por fazer a ligação entre os buscadores e usuários. Assim, o uso errado ou inadequado irá interferir na qualidade final do conteúdo. 

Tente usar cauda longa para ajudar na otimização, evite termos gerais que são os head tails, ou seja, que podem causar muitas variações. 

O ideal é não exagerar e evitar a utilização que não seja natural ao longo da escrita para não prejudicar a leitura. Afinal, o Google não conta a densidade como algo principal, só que ele é importante, então um mínimo deverá ser usado. 

Você pode adicionar na URL, na tag de um título, na meta description, no primeiro parágrafo e também no H1, H2 e demais subtítulos. 

Crie títulos e meta descrição para chamar a atenção do leitor

A concorrência digital é enorme e por conta disso, você deve se diferenciar no título e meta descrição para a pessoa clicar no seu conteúdo. Dessa forma, eles têm que ser chamativos e ter total relação com a ideia principal do texto. 

Ambos precisam apresentar de forma direta e objetiva o que vai ser dito no assunto. A meta descrição fica abaixo do título nos buscadores e apresenta o texto ao usuário. Portanto, é nessa hora que o leitor decide se vai entrar ou não em sua página.

Melhorar o CTR orgânico é o objetivo de todo gestor, então, crie boas práticas para o primeiro contato do usuário ser positivo. Por isso, coloque a palavra-chave principal na tag do título, use chamadas como “fácil”, “grátis”, “incrível” e outras que atraiam o leitor.

Usar listas como “Veja os 10 restaurantes mais incríveis de São Paulo” é outra forma de chamar a atenção, assim como ser instrutivo se necessário. Portanto, cumpra todas as promessas quando a pessoa entrar na página e for se deparar com seu conteúdo postado. 

mulher trabalhando em seu computador de mesa
O SEO writing exige o uso de técnicas de escrita para obter melhor posicionamento. Imagem por Pxhere 

Subtítulos no SEO writing

O papel dos subtítulos é dividir em partes e mostrar a hierarquia do assunto. Além de organizados, eles devem ser feitos através de perguntas e para que as respostas tirem todas as dúvidas do leitor, o que melhora a navegação.

A partir disso, os conteúdos são divididos em:

  • H1;
  • H2;
  • H3;
  • H4;
  • H5;
  • H6.

Esta é a ordem de relevância das heading tags na hora de fazer um texto para otimizar no Google, por exemplo. São recursos de programação HTML, que são códigos usados para construir e estruturar sites. 

Parágrafos curtos

Os parágrafos curtos ajudam na redação mais fluida e que vai atrair o leitor a se manter até o final. Ou seja, a ideia é fazer com que a experiência seja boa e o usuário não vá para os concorrentes. Por isso, forneça a solução em poucas palavras como se fosse um tweet. 

Tamanho dos textos

Os textos mais longos e profundos descrevem melhor um tema do que algo curto e superficial. Sendo assim, tente criar conteúdos em média de 1000 a 1500 palavras por pauta. Enfim, responda a todas as dúvidas dos leitores e explore tudo o que for possível. 

Não é uma regra absoluta, porém, vale avaliar o tema e as intenções das pessoas. Normalmente, um assunto é maior porque consegue abordar mais questões, já os menores podem ser diretos, objetivos e, no entanto, também sanar as dúvidas. 

Para indexar no Google, o material deve ter pelo menos 300 palavras e caso não atinja o mínimo, o SEO vai perder visibilidade. Por isso, você deve sempre estar atento para não perder qualidade, cair no ranking dos buscadores e gerar menos cliques e vendas.

A importância das meta tags

As meta tags são importantes para os buscadores indexarem a sua página. Presentes no HTML, elas descrevem a ideia para que o Google, por exemplo, identifique através das palavras-chave o que foi escrito. Abaixo, você pode ver quais são as principais:

Title Tags, meta description e alt text

A title tag deve ser usada apenas uma vez com até 70 caracteres no cabeçalho da página e tem que ser exclusiva, nunca repetida. A meta description tem por volta de 130 caracteres e deve ser chamativa. Por fim, o alt text descreve a imagem e deve incluir o termo-chave. 

Existem ferramentas para ajudar nas palavras-chave no SEO writing?

No SEO writing existem ferramentas que podem te orientar na escolha das palavras-chave mais precisas para o seu tema. Elas são uma das partes mais importantes do processo, logo, escolhas ruins podem inibir o crescimento nos resultados de pesquisa. 

pessoa usando o laptop
O uso de parágrafos curtos no SEO writing ajuda na leitura e otimização da página. Imagem por Campaign Monitor

A SERP (Search Engine Results Page) é a lista que aparece no Google, Bing e Yahoo! quando você digita algo e aperta “enter”. A princípio, ela traz os links e informações que estão relacionadas ao interesse do usuário. As ferramentas mais usadas são:

  • SEMRush; 
  • Ubersuggest;
  • Moz Keyword Explorer;
  • Ahrefs;
  • SE Ranking.

Existem mais plataformas que podem te ajudar como SEORCH, Google Suggest, SpyFu e Zutrix. Enfim, elas conferem dados de pesquisas, visualizam concorrentes, exibem palavras-chave de cauda longa, entre mais funções úteis para todos os usuários. 

Qual a importância de atualizar os conteúdos no SEO writing?

É importante atualizar a URL no SEO writing quando for necessário para mostrar aos mecanismos de busca que o material está sendo melhorado. Desse modo, ao tornar o conteúdo mais atrativo com mudanças grandes, você obtém os melhores resultados. 

Tome cuidado para não alterar todo o texto, pois o Google tem que entender que ocorreu uma atualização e não substituição das informações. Enfim, veja também a relevância atual das palavras-chave usadas, refaça o link building e recrie a meta descrição se for o caso.

O processo de troca deve acontecer quando as PCs forem bem competitivas, portanto, você tem que acompanhar as atualizações com frequência. Ou seja, adote esse tipo de estratégia para transformar o assunto em algo mais chamativo. 

Qual é o papel dos backlinks no SEO writing?

Os backlinks também têm um papel crucial no SEO writing, porque ajudam na hora de medir a popularidade de um site. Assim, os links externos para páginas de autoridade ajudam na estratégia de destacar que o conteúdo é confiável e muito verdadeiro. 

Saiba que os algoritmos são capazes, atualmente, de interpretar links e ver se estão de acordo com conteúdo destacado no site. Por isso, quando você inclui diversos dados de fora eles ajudam no seu argumento. 

O mesmo acontece ao usar o link interno para otimizar conteúdos do seu site que tenham relação com o tema abordado. Ou seja, os mecanismos de busca sabem que são úteis para indexar as páginas e entender toda a estrutura do site.  

Por que avaliar os resultados do SEO writing?

Ao avaliar os resultados no SEO writing, você pode analisar como foi a performance e se for o caso, recriar estratégias e planejar outra vez. Então, você tem que definir metas para que todos os envolvidos saibam em qual direção ir em relação aos KPIs. 

Existem métricas que são muito importantes, entretanto, o foco na escrita sempre deve ser o usuário e não apenas os princípios do SEO. As mais relevantes são:

  • taxa de cliques e conversão;
  • tráfego orgânico;
  • backlinks;
  • posição nas SERPS.

O alcance de featured snippets, a autoridade de um site e o tempo de permanência na página são outros aspectos fundamentais no processo. 

pessoa trabalhando no laptop enquanto faz anotações no caderno
Ao aplicar o SEO writing, os backlinks são de suma importância. Imagem por Pxhere

Focar em conteúdos de qualidade e direcionar o leitor vai ajudar a melhorar a página de forma natural nos buscadores. Enfim, tudo isso deve ser somado a um site rápido e com imagens de qualidade para obter os resultados que a sua marca deseja.   

Analisar e medir se sua estratégia está dando certo são pontos fundamentais para gerenciar e mensurar, pois sem os dados você não vai crescer. Portanto, não deixe de ver como sua campanha está e faça o que for preciso para o negócio evoluir com planejamento e visão. 

Leia mais: artigos e notícias relacionados

Usamos cookies para melhorar sua experiência neste site. Ao continuar no site, você concorda com essas condições. Sim Mais detalhes