Tudo sobre Marketing e Empreendedorismo

O que é SEO técnico e como alavancar seu site com esta estratégia?

SEO técnico é um conjunto de ações que são aplicadas, a fim de melhorar a experiência do usuário em seu site. Além disso, ele contribui para que suas páginas sejam indexadas de forma mais rápida e sejam valorizadas pelo Google.

Ele é apenas um dos pilares para se construir uma boa estratégia de SEO. Ainda assim, inclui conceitos essenciais para que os visitantes que acessam suas páginas permaneçam por mais tempo ou voltem no futuro. Portanto, conheça suas táticas.

O que é SEO técnico?

SEO técnico se refere a melhoria de várias características estruturais de um site, a fim de conseguir melhores posições na SERP. Além disso, é um conjunto de táticas que visa tornar a experiência do usuário mais agradável.

Importância do SEO técnico

Esse é um dos tipos de SEO que existem e que é essencial para atingir os objetivos da sua estratégia de marketing de conteúdo, por exemplo. Afinal, de nada adianta oferecer bons materiais, se o usuário sofre para conseguir acessá-los com:

  • Animações em excesso na página;
  • Erros no domínio;
  • Tempo de carregamento longo.

Pode ser uma grande decepção ter que esperar muito para acessar um conteúdo e ainda ter que navegar por um site não otimizado. Portanto, é muito importante pensar na sua estratégia de SEO técnico como um todo.

SEO Holístico e SEO Estratégico

O SEO Holístico é a maneira de ver as suas estratégias de SEO como complementares. Ou seja, não há uma separação entre o que seria técnico, holístico ou estratégico. No fim de tudo, todos contribuem para atingir o mesmo objetivo.

Por esse motivo, não se pode pensar nas estratégias de SEO On Page sem levar em conta os aspectos técnicos. Do mesmo modo, investir no Off Page sem melhorar o seu site pode aumentar a sua taxa de rejeição.

Pilares do SEO técnico

Os pilares do SEO são um conjunto de conceitos cruciais para oferecer uma boa experiência de uso dentro do seu site. Dessa forma, pode-se dizer que os aspectos técnicos compõem a base para alcançar esse objetivo.

Arquitetura da informação

A arquitetura da informação é a ação de organizar várias partes de algo, a fim de torná-la compreensível. Isso vale tanto para pessoas quanto para robôs. Assim, o Googlebot é um exemplo de robô que precisa entender a estrutura do seu site.

Quando os códigos das suas páginas são muito complexos e antigos, talvez nem todas do seu domínio sejam indexadas pelo Google. Além disso, diferentes navegadores, em especial os mais velhos, podem não entender o seu site completamente.

UX

A User Experience ou Experiência do Usuário é um dos pilares das estratégias de SEO técnico, On Page ou Off Page. Como muitos já sabem, esse é um dos aspectos mais valorizados não apenas por quem visita o seu site, mas também pelo Google.

Nesse contexto, as questões estruturais de um site contribuem muito para a experiência de uso. Afinal, são elas que definem como as páginas serão apresentadas em diferentes telas ou quanto tempo vão demorar a carregar, por exemplo.

Usabilidade

A usabilidade se refere ao quão fácil é navegar pelo seu site. Ou seja, quão intuitivo ele é, já que muitas pessoas que buscam um domínio na internet já estão habituadas a um padrão de funções. Assim, ela serve para simplificar a interação entre humanos e:

  • Websites;
  • Aplicativos;
  • Dispositivos.

Um exemplo claro disso ocorre quando o usuário clica no ícone ou logotipo da sua marca no site e espera chegar a uma home page. Então, é um padrão usado em muitos domínios hoje e que facilita o uso, um ponto importante para o SEO técnico.

Acessibilidade

Investir na acessibilidade digital dentro do seu site também é importante para o SEO técnico. Uma das formas de fazer isso é incluir formatos de mídia variados para o mesmo conteúdo como uma versão em áudio ou em vídeo. Além disso, pense em:

  • Adicionar legendas e descrições de imagens;
  • Inserir hiperlink no termo que se relaciona a página de destino;
  • Manter um bom contraste entre o pano de fundo e a fonte do seu site.

Diferente do que muitos pensam, essas ações não favorecem apenas as pessoas com deficiência. Qualquer um que queira consumir um conteúdo sem precisar lê-lo e tem um áudio como opção, por exemplo, pode se beneficiar disso.

imagem de um notebook ligado, em cima da mesa
Descrever e usar as imagens mais leves é importante para o SEO técnico. Imagem de Monoar Rahman em Pexels
Conteúdo

O conteúdo é uma das bases para qualquer estratégia de SEO. Dessa forma, a quantidade não é tão importante nesse pilar, mas a qualidade sim. Por isso, fique atento para criar materiais que tenham:

  • Originalidade;
  • Qualidade;
  • Autoridade e relevância do site ou autor na área;
  • Referência a dados comprovados.

Mesmo que o SEO técnico da sua página esteja bom, caso não siga esses parâmetros, é provável que o usuário pare de acompanhar seus conteúdos. Então, se certifique de colocar em prática estratégias complementares.

Performance

A performance tanto das suas páginas nos aspectos técnicos quanto em relação ao conteúdo devem estar em constante análise. Entender como o usuário se comporta e o que pode afetar a sua experiência de uso de forma negativa é crucial para o SEO técnico.

Outros tipos de SEO

Como você viu, existem alguns tipos de SEO. Em síntese, eles se diferenciam pelo seu foco estratégico de melhorias. Mas, todos visam oferecer uma boa experiência para o usuário e conseguir uma boa posição nos resultados de busca do Google.

SEO on page

É o conjunto de estratégias que visa melhorar os aspectos internos do seu site ou página, a fim de oferecer uma boa experiência. Assim, ele inclui diversas questões como:

  • Uso de palavras-chave;
  • Estrutura de conteúdo;
  • Meta descrição;
  • URL amigável;
  • Aplicação de headings ou intertítulos;
  • Linkagem interna.

Um aspecto do SEO técnico que pode ser incluído no On Page é a criação de um sitemap para o site. Isso porque, ele ajuda o rastreador a entender como o domínio está organizado e indexar as suas páginas de forma mais ágil.

SEO off page

Já o SEO Off Page, por outro lado, se refere às táticas aplicadas de forma externa para melhorar sua posição na SERP. Elas não dependem apenas do gestor do site, já que consideram fatores como:

Conquistar bons backlinks é um dos principais meios para o SEO Off Page. Mas, de nada adianta aumentar o tráfego para as suas páginas se a estrutura do site não é boa para receber os usuários. Aliás, quando isso ocorre, a sua taxa de rejeição pode aumentar.

Principais fatores do SEO técnico

São otimizações que podem ser feitas com o uso de algumas ferramentas por qualquer pessoa, em sua maioria. Mas, há também casos um pouco mais complexos, para os quais é indicado buscar um desenvolvedor profissional. Conheça os principais a seguir.

Velocidade da página

A velocidade para conseguir acessar uma página é um fator essencial para o usuário, afinal, ele não quer esperar muito tempo. Por isso, é importante torná-la o mais leve possível. Algumas ações para que isso ocorra são:

  • Simplificar os códigos da página;
  • Diminuir o tamanho das imagens;
  • Investir na criação de Accelerated Mobile Pages.

Uma ferramenta gratuita útil para analisar a velocidade das suas páginas é a GTmetrix. Assim, faça o teste em seu domínio. Vale destacar que para o Google, o ideal é que a maior imagem ou texto do seu site leve, no máximo, 2,5 segundos para carregar.

Mobile-friendly

Seu site precisa ser responsivo para se adaptar bem a qualquer tamanho de tela sem prejuízo de conteúdo, velocidade ou usabilidade. Portanto, esse é um aspecto essencial para o SEO técnico no qual você precisa investir.

Erros de rastreamento

Outra questão importante para que as suas páginas possam aparecer em destaque no buscador é a indexação. Mas, ela pode não ocorrer por alguns rastreamentos, quando o Googlebot não consegue encontrar o endereço delas.

A primeira alternativa para evitar isso é enviar o sitemap do seu site. Caso ainda haja erros, é essencial conferir o que os causaram. Entre os principais motivos, pode-se citar:

  • URL não existe;
  • Redirecionamento em loop;
  • Página bloqueada pelo robots.txt;
  • Tag noindex na página.

O Google Search Console é uma das ferramentas que você pode usar para conferir isso. Assim, veja quais páginas não foram indexadas por erro e ajuste de acordo com o motivo.

nome error em letras maiúsculas
Os erros de rastreamento também são assuntos para uma auditoria de SEO técnico. Imagem de Vie Studio em Pexels

Arquitetura do site

Organizar o seu site de forma clara é importante tanto para o usuário quanto para o rastreamento. Desse modo, criar uma hierarquia e categorias lógicas para cada tipo de conteúdo é o primeiro passo.

Mais uma vez, criar o sitemap do seu domínio é umas principais táticas do SEO técnico para que suas páginas sejam indexadas de forma mais ágil. Além disso, invista também na linkagem interna e no uso de URLs amigáveis.

Imagens

São elementos essenciais em suas páginas para chamar a atenção do leitor. Aliás, esses arquivos que você inclui no texto também podem rankear no Google Imagens. Então, é importante ter alguns cuidados para que ela não pese no seu site.

Nome do arquivo

Esse aspecto é possível mudar no seu próprio computador. Assim, o ideal é que ele seja descritivo para que o Google saiba do que se trata. Desse modo, retire a versão original e use o nome do objeto e a cor, por exemplo, para identificá-la.

Alt text

O texto alternativo para imagens também ajuda o robô do Google a entender do que se trata o arquivo. Além disso, contribui para que as pessoas que usam apps de leitura em voz alta possam conhecer o conteúdo da mídia.

Tamanho do arquivo

Reduzir os kilobytes das imagens também é essencial para que elas não prejudiquem o tempo de carregamento do seu site. Dessa forma, há algumas ferramentas online que fazem isso.

Formato

WEbP, JPEG XR e JPEG 2000 são algumas opções que você pode usar para manter seu site otimizado. Então, prefira esses formatos para incluir em meio a seus artigos para melhorar o SEO técnico.

Dimensões

Faça o envio desse arquivo já com as dimensões que quer usar. Assim, evita-se que ela não fique do tamanho certo e ocupe mais espaço do que deve na página, algo que não é bom para o domínio.

Carregamento

Carregar todas as imagens de uma página de uma vez só pode diminuir a sua velocidade. Então, um recurso que se pode aplicar é o lazy load. Dessa forma, os arquivos só serão exibidos quando o leitor chegar na parte em que elas estão.

Conteúdo duplicado

A originalidade do seu conteúdo também é importante para o SEO técnico. Mas, um material duplicado nem sempre ocorre pelo plágio. Por isso, é preciso ficar atento a algumas questões como:

  • Uso de duas URLs para a mesma página;
  • Repetição de conteúdo no seu site;
  • Criar uma nova URL para a página sem desativar a anterior.

Confira se o seu domínio está com algum desses problemas com o uso de uma ferramenta de SEO. Depois, faça os ajustes necessários. Aliás, ainda que sejam duas páginas do seu site, ambas podem sofrer penalizações do Google.

Dados estruturados

São códigos que identificam para o Google o que é cada informação em uma página. Por exemplo, preço, produto, avaliações ou o tipo de mercadoria. Os dados estruturados servem para guiar o rastreador em seu site, por isso é importante para o SEO técnico.

As aplicações práticas dessas marcações aparecem nos rich snippets. Quando se pesquisa por um filme, série, negócio ou qualquer item é possível encontrá-los. Em síntese, eles apresentam na página de resultados alguns dados presentes no site como:

  • Categoria do produto;
  • Preço;
  • Avaliação média em estrelas;
  • Comentários.

Tudo isso contribui para que o usuário acesse a sua página, pois ela transmite mais confiança. O Google criou uma ferramenta para ajudar na hora de marcar esses dados, a Assistente de marcação de dados estruturados, boa opção para o seu SEO técnico.

Sitemaps

O sitemap é um arquivo em XML que informa toda a organização do seu site para o Google, a fim de facilitar a indexação de todas as suas páginas. Dessa forma, você pode enviar esse material para o Google Search Console.

Erro 404

A forma mais simples de evitar que isso ocorra é aplicar uma página de redirecionamento 301 para o endereço correto. O erro 404 pode acontecer por diversos motivos, por exemplo:

  • Alteração na URL;
  • Erro de digitação na URL.

Tentar acessar uma página e ter o erro 404 como resposta prejudica a experiência do usuário e como resultado, o SEO técnico. Assim, outra sugestão para contornar esse problema é criar uma página do seu site que indique endereços semelhantes.

tela mostrando vários códigos
Ter um código simplificado é uma das estratégias do SEO técnico. Imagem de Pixabay em Pexels

Disponibilidade

A indisponibilidade do site ocorre quando o seu domínio apenas desaparece dos resultados de busca. De forma geral, isso pode acontecer por conta do seu serviço de hospedagem. Quando há uma manutenção em andamento, é possível que falhas como essas ocorram.

Nesse caso, não há muitas opções de SEO técnico que você possa aplicar. Então, apenas confira o Acordo de Nível de Serviço com a empresa que faz a hospedagem do seu site e veja se o tempo no ar segue as regras dele.

Compatibilidade com navegadores

Há vários navegadores em uso hoje em dia. Assim, os mais antigos podem não conseguir ler sites com uma configuração mais avançada. Dessa maneira, é preciso planejar a criação do seu domínio de modo que a maioria deles possa visualizá-lo sem problemas.

Segurança

Por último, um fator muito valorizado pelo Google e que faz parte das estratégias de SEO técnico é a segurança. Portanto, o seu site vai precisar obter:

  • Certificado SSL;
  • Protocolo HTTPS.

Um fato que vale destacar é que a adoção do protocolo HTTPS é um dos fatores de rankeamento do Google. Além disso, é um aspecto valorizado pelo usuário, já que ele não merece ter prejuízos por acessar o seu website.

Para fazer essa mudança, o ideal é que contrate especialistas da área. Eles são os mais indicados para lidar com os problemas que podem acontecer em meio a essa transição.

7 dicas para criar uma boa base de SEO técnico

Depois de conhecer os principais fatores para melhorar a experiência do usuário no site, veja algumas dicas para criar sua base técnica. Dessa maneira, seu domínio pode ficar bem mais preparado para receber o aumento de tráfego.

1- Mantenha seu site seguro com SSL (HTTPS)

De forma bem simples, um certificado SSL é um recurso usado para proteger os dados de quem acessa uma página, por exemplo. Então, existem três tipos de validação SSL:

  • De domínio;
  • Organização;
  • Estendida.

A escolha depende do quanto você está disposto a pagar para melhorar o SEO técnico e do que acha necessário para a confiança em seu site. Em geral, eles são emitidos pelo serviço de hospedagem do seu domínio.

O protocolo HTTPS é o responsável por garantir a segurança em uma conexão entre os servidores que hospedam o website e o aparelho do usuário. Além disso, é um fator de rankeamento, logo, é preciso priorizar a sua adoção, caso o seu site não o use ainda.

2- Estruture e organize o HTML

HTML é uma linguagem a qual os navegadores conseguem interpretar. Dessa forma, quando organizados, eles facilitam o trabalho e permitem que o robô do Google, por exemplo, indexe sua página de forma mais rápida.

3- Tenha um site rápido e otimizado para mobile

Nesse contexto, vale lembrar do Mobile First-index do Google. Ou seja, o rastreador considera a versão para os dispositivos móveis em primeiro lugar na hora de indexar uma página. 

Isso faz muito sentido, já que a maioria das pessoas usa o celular ou o tablet para acessar diversos conteúdos na internet. É por conta dessa nova indexação do Google que os resultados podem ser um pouco diferentes para buscas no computador e no celular.

Tenha um site responsivo e otimizado para mobile. Assim, seus conteúdos poderão ser amigáveis em diversos tamanhos de tela, o que é ótimo para o SEO técnico.

4- Crie uma sólida arquitetura para seu site

Um dos aspectos técnicos do SEO, como você viu, é a organização. Então, ela deve estar presente em todo o seu site. Por isso, crie hierarquias entre conteúdos, categorias para eles e deixe tudo isso bem lógico para o Google por meio de um sitemap, por exemplo.

5- Trabalhe os links internos

A linkagem interna é tão importante quanto a externa quando se trata de SEO técnico. Dessa forma, insira links para outros materiais do seu domínio. Assim, os robôs conseguem identificar o conteúdo do seu site e a sua forma de organização.

6- Verifique os estados HTTP(s)

Os status HTTP(s) são muito importantes para a experiência do usuário. Então, eles precisam estar em pauta em caso de auditorias para o seu site. Em síntese, alguns códigos que você deve conhecer são:

  • 200 – 299: respostas bem-sucedidas;
  • 300 – 399: redirecionamentos;
  • 400 – 499: erros do cliente;
  • 500 – 599: erros do servidor.

Usar algumas ferramentas de auditoria em SEO técnico é muito válido nesses casos. Assim, é possível saber com quais páginas isso ocorre e corrigir o erro.

mulher sentada em frente a um laptop, com a mão na testa, como se estivesse um tanto estressada
Corrigir as páginas de erro é uma das ações do SEO técnico. Imagem de Andrea Piacquadio em Pexels

7- Estruture seus dados

Como você viu, ter dados estruturados é importante para o seu site. Aliás, para quem tem um e-commerce com vários produtos, organizá-los vai melhorar bastante a precisão do resultado de busca para a sua loja.

Os dados estruturados não apenas ajudam o rastreador a conhecer a organização do seu website, mas também a exibem para os usuários. É o caso dos Rich Snippets, os quais contribuem para uma apresentação mais confiável do seu domínio. 

Nesse cenário, o trabalho principal do SEO técnico é organizar o seu domínio tanto para os rastreadores quanto para os usuários. Assim, há mais chances de aparecer entre os primeiros resultados do Google e aumentar o seu número de visitantes.

Qual a melhor forma de usar o SEO técnico na sua estratégia de marketing?

Depois de criar uma base técnica de SEO, o seu marketing de conteúdo, por exemplo, pode ter bons resultados. Em síntese, melhorar o seu site para receber o público é uma estratégia complementar.Por esse motivo, o ideal é que aplique as táticas de SEO técnico junto com as de SEO on page e off page. Ou seja, pense na experiência do usuário e no sucesso da sua marca como um todo.

Seja o primeiro a ser notificado, sempre que um novo artigo ser publicado

Deixe uma resposta

Usamos cookies para melhorar sua experiência neste site. Ao continuar no site, você concorda com essas condições. Sim Mais detalhes